Willie Nelson – Ride Me Back Home (Official Music Video)

Para este fim de semana, trago como inspiração musical o legendário Willie Nelson, cantor e compositor norte-americano, nascido no Texas, um ícone da música no gênero country, interpretando a genial canção Ride Me Back Home, de sua autoria

Curta este sensacional “Oficial Music Video”, em mais uma marcante presença de Willie Nelson no cenário artístico, gravado ano passado, aos 85 anos. Seguramente, um brinde para todos nós!

O vídeo foi publicado no YouTube, em 30 de abril de 2019, por ocasião do lançamento do sexagésimo nono álbum de estúdio solo do artista, intitulado exatamente Ride Me Back Home. A seguir: 

Publicado em Músicas | 4 Comentários

HOMO SAPIENS: será que somos mesmo TÃO EVOLUÍDOS assim? – Confira este vídeo!

Voltando a falar aqui sobre literatura e recomendação de leitura, o foco hoje é para o livro SAPIENS – Uma Breve História da Humanidade, um dos maiores fenômenos editoriais dos últimos tempos, de autoria do professor israelense Yuval Noah Harari.

Para tanto, recorro ao bem elaborado resumo, animado, organizado neste vídeo de título “HOMO SAPIENS: será que somos mesmo TÃO EVOLUÍDOS assim? | Livro Sapiens | Seja Uma Pessoa Melhor”.

Mesmo para quem já leu a publicação, creio valer a pena dar uma conferida no vídeo, que traça pontos de destaque das ideias de Harari a respeito da trajetória da espécie humana, cuja obra é enriquecida com muitos fatos da história e recheada de questões impactantes, para boas reflexões.

Confira a seguir (o vídeo está publicado no Youtube no canal SejaUmaPessoaMelhor):

Publicado em Livros e leitura, Vídeos diversos | 9 Comentários

‘Entenda o que sonhos (e pesadelos) dizem sobre a sua saúde’

Voltando hoje com o grande tema Saúde, trago mais uma matéria interessante, esclarecedora, sobre a importância do sono e, mais precisamente, sobre os sonhos, com base em alguns estudos realizados por pesquisadores brasileiros e estrangeiros, publicada no portal eletrônico da Revista GALILEU, no último dia 24.

São destacados aspectos reveladores e curiosos sobre os sonhos em geral e sobre os pesadelos, a exemplo de: sonho e memória, sonho e problemas com o sono, ajuda na identificação de distúrbios psiquiátricos, movimentos do sono que se manifestam na realidade, sonhos lúcidos, pesadelos recorrentes…

Creio que a publicação trás boas informações e chama a atenção para alguns pontos bastante significativos, como este a respeito da evolução humana: “A explosão de conhecimento na humanidade só aconteceu porque passamos milhões de anos dormindo e, em algum momento, acreditando que os sonhos eram reais”.

“Entenda o que sonhos (e pesadelos) dizem sobre a sua saúde

Resultado de imagem para Entenda o que sonhos (e pesadelos) dizem sobre a sua saúde

Dormir bem e, por consequência, conseguir sonhar são hábitos importantes para manter a saúde e ainda impulsionam a criatividade necessária para que a humanidade evolua

Confira a publicação clicando no link a seguir:

https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/Saude/noticia/2020/01/entenda-o-que-sonhos-e-pesadelos-dizem-sobre-sua-saude.html?utm_medium=10todaybr.20200127&utm_source=email&utm_content=article&utm_campaign=10today

Publicado em Educação, Psicologia e comportamento, Saúde | Deixe um comentário

MY WAY – Por Amira & Friends – Show em Pretória, África do Sul!!!

Para hoje, selecionei vídeo muito especial que tomei conhecimento, semanas atrás, por intermédio de um amigo!

Trata-se de magistral apresentação de Amira Willighagen (jovem/precoce cantora lírica holandesa), juntamente com um grupo de cantoras e cantores de altíssima qualidade, interpretando a maravilhosa canção MY WAY (composição de Jacques Revaux, Claude Francois e Paul Anka), que fez parte do concerto ‘Classics is Groot’, ocorrido em Pretória, África do Sul, em junho de 2017.

Para se ter ideia do sucesso dessa performance, verifico que o vídeo, publicado no YouTube por Ray Vandenburg, já conta com mais de 5 milhões de visualizações.

Curta este momento inspirador e emocionante!

Publicado em Músicas | 1 Comentário

ESTOICISMO | A Arte de Viver em Paz Sob Qualquer Circunstância (vídeo)!

Abro espaço hoje para um breve filosofar e, de quebra, uma revisita a pensamentos sábios de algumas personalidades que deixaram significativas marcas na história da humanidade!

Para tanto, trago interessante vídeo, mais um do canal Epifania Experiência, com  retrospectiva de pensamentos filosóficos impactantes e que orientam para um estilo de vida mais equilibrado e menos sofrido, na tônica de um viver em paz em qualquer circunstância, segundo a linha da Filosofia denominada Estoicismo, surgida há mais de 2 mil anos, que privilegia o conhecimento (as virtudes) e abdica dos sentimentos externos e dos “vícios”.

Na sequência, o argumento ganha reforço com a linha de raciocínio chamada de Minimalista, um estilo de viver que parece ganhar número crescente de adeptos, mundo afora, em contraponto ao consumismo desenfreado. 

Seguramente, as frases destacadas ao longo do vídeo são impactantes e merecem a nossa atenção, sobretudo porque, diria, o ser humano tende muito a procurar sarna para se coçar, gosta de inventar sofrimento e por aí vai. Desconfio mesmo que exista um grande déficit de racionalidade pelo mundo afora.

E como boa síntese do argumento geral trazido no vídeo, sob inspiração do Estoicismo, alguém registrou, em um dos comentários:

“Nós estamos normalmente mais assustados do que machucados; e sofremos mais na imaginação do que na realidade”!

Os pensamentos e a lógica arquitetados no vídeo, acredito, trazem sacadas preciosas para um viver mais sensato e com menos sofrido autogerado. Não custa assistir e fazer suas reflexões. Que você tire bom proveito!

Publicado em Educação, Meditação e Espiritualidade, Motivação e crescimento humano, Psicologia e comportamento, Vídeos diversos | 7 Comentários

Você Dorme Com Os Pés Descobertos? Isto É Ótimo, Diz Cientista

Uma das áreas da saúde que tem merecido seguidas pesquisas é a que cuida da qualidade do sono, dada a importância do bom repouso para o indivíduo, para o seu corpo, a sua mente, o seu desempenho etc. Por conta disso, novidades não param de ser noticiadas, o que é bom, até porque o estilo de vida dos dias atuais acaba fazendo com que as pessoas tenham menos horas de sono.

A propósito, mais algumas informações sobre o tema, interessantes e até curiosas, estão na matéria que reproduzo abaixo, publicada no sítio eletrônico “portal raízes”. Se confirmam, seguidamente, evidências dando conta de uma grande diversidade de fatores que podem determinar (ou não) uma boa noite de sono.

Longe de mim duvidar dos achados da pesquisadora, muito pelo contrário, mas confesso que esse negócio de dormir com os pés descobertos soou surpreendente para mim! Rsrs

Confira:

“Você Dorme Com Os Pés Descobertos? Isto É Ótimo, Diz Cientista

Uma boa noite de sono é fundamental para o corpo e para a mente: emagrece, previne doenças, melhora o desempenho no trabalho, previne a depressão, melhora a memória e aumenta a longevidade. De acordo com a pesquisadora Natalie Dautovitch, professora de psicologia na Universidade do Alabama, EUA, e porta-voz da National Sleep Foundation, apesar de soar contraproducente para algumas pessoas, dormir com os pés descobertos é uma excelente mania, porque garante uma noite de sono melhor, já que esses membros ajudam a manter o corpo em uma temperatura mais baixa. Mais especificamente, você acaba dormindo mais rápido e mais profundo.

A temperatura corporal e a qualidade do sono estão relativamente relacionadas

Em entrevista à New York Magazine, Dautovitch afirmou que os pés são umas das melhores partes do corpo quando o assunto é se livrar do calor, e não a cabeça. Isso porque é uma das partes do corpo com escape de temperatura, pois possuem estruturas vasculares responsáveis por diminuir o calor corporal. Eles não possuem pelos, e contêm as chamadas anastomoses arteriovenosas, conhecidas estruturas que ligam as artérias às veias, antes que ambas se reúnam aos vasos capilares. Logo, quando está mais quente, essas estruturas se dilatam para permitir uma maior passagem se sangue para a pele, a fim de resfriá-la.

No estágio mais profundo do sono o corpo chega a ficar dois graus mais frio. Deixar os pés descobertos acelera o processo de resfriamento. Para Natalie a temperatura corporal ideal para uma boa noite de sono é de no máximo 20ºC.

Outro estudo realizado anteriormente descobriu que as temperaturas mais baixas são capazes de provocar sonolência. Os idealizadores do estudo sugerem em seu texto que se tome banho morno antes de se deitar. Assim, estimula o corpo a baixar a temperatura de maneira natural estimulando o sono. Por esse motivo, as pessoas sentem sono depois de tomar um banho quente e ele é aconselhável para quem sofre de insônia.

Outros modos de evitar insônia:

Existem outros modos para ajudar a ter uma boa noite de sono, além de deixar os pés descobertos. Evitar bebidas com cafeína pelo menos 4 horas antes de se deitar, não se exercitar 3 horas antes de dormir e não comer refeições pesadas são alguns deles. Também é importante se desconectar pelo menos 1 hora antes de dormir. Então sem celular, computador ou televisão. Passe essa 1 hora realizando atividades relaxantes como ler um livro, escutar música ou meditar. Não se esqueça de deixar o quarto escuro, silencioso e com temperatura agradável.

Fonte: https://www.portalraizes.com/deixar-os-pes-para-fora-do-cobertor-ajuda-a-dormir-melhor-diz-cientista/

Publicado em Educação, Psicologia e comportamento, Saúde | Deixe um comentário

Música: The Weight – Playing For Change, apresentando Robbie Robertson e Ringo Starr – Show!

Para inspiração musical neste sábado, volto com mais uma sensacional gravação do movimento Playing For Change, iniciativa fantástica que objetiva unir o mundo por intermédio da música, quebrando barreiras e fronteiras, ao apresentar produções que contam com a participação simultânea de músicos e artistas espalhados por diversos países (dos cinco continentes).

Nesta gravação, é feita celebração de 50 anos da famosa canção The Weight, um dos principais sucessos do grupo The Band, tendo por principal destaque as presenças dos lendários Ringo Starr (um dos integrante dos Beatles) e do guitarrista e compositor canadense Robbie Robertson, autor da canção.

Vejam que produção maravilhosa trazida neste vídeo, em especial pela diversidade dos participantes , com seus estilos e diferentes instrumentos. Um verdadeiro show!!!

O vídeo foi publicado no YouTube por Playing For Change. Curtam este momento:

Publicado em Músicas | 2 Comentários

“Habilidades profissionais essenciais a partir de 2020”

Vez por outra trago abordagens aqui sobre o mundo corporativo, liderança, cultura organizacional e questões envolvendo atividades profissionais e empregabilidade para as pessoas das diversas idades e gerações. No particular, dentro da perspectiva de que, mesmo fazendo um recorte especial para o tema da longevidade, tendo por foco aqueles que desejam se manter em atividade por mais tempo, chamo especial atenção para o público formado por profissionais mais maduros, para a necessidade de atentar para as evoluções, as mudanças e avanços nas formas de trabalho, na tecnologia e nas competências individuais, sobretudo naquelas demandas por habilidades que signifiquem atualização com as tendências para um futuro próximo.

A esse respeito, recebi de um amigo e colaborador matéria muito boa, publicada no portal do jornal Valor Econômico, no último dia 9, com o título ‘Habilidades profissionais essenciais a partir de 2020’. O conteúdo traça, no meu ponto de vista, inteligente panorama a respeito dos desafios para a empregabilidade a partir de agora, seja no que respeita às habilidades (competências) de natureza técnica, seja, ainda, com relação a aspectos de relacionamentos, inteligência emocional, rede de relacionamento etc. Portanto, um importante subsídio para o planejamento de vida e carreira.

Em suma, a publicação explora, em boa síntese, “O que é preciso desenvolver para enfrentar as grandes transformações no mercado de trabalho”. Dentro da lógica de que precisamos estar atentos ao contexto, incluindo as inovações e tendências, e que, mais do que nunca, há a necessidade de permanente desenvolvimento individual para um mundo profissional em permanente mudança/inovação, creio que o conteúdo pode lhe ser útil.

Para ler a matéria, clique no link a seguir. Vale ficar de olho!

https://valor.globo.com/carreira/noticia/2020/01/09/habilidades-profissionais-essenciais-a-partir-de-2020.ghtml

Publicado em Educação, Motivação e crescimento humano, O ser humano no contexto das organizações | 2 Comentários

O Verdadeiro Charme De Uma Pessoa: “Seus Traços De Loucura”

Diz um velho e famoso ditado popular que “de médico e louco todo mundo tem um pouco”! Podemos até sorrir dessa afirmação, mas creio firmemente que aí reside boa dose de sabedoria, calcada na realidade como ela é, nos comportamentos e características de cada um de nós e, por consequência, nas diversas facetas que desempenhamos diante de situações, desafios e momentos os mais variados, no dia a dia, ao longo da vida!

Nesse diapasão, reproduzo hoje, para começar a semana, interessante e provocativa publicação do Portal Raízes, que recebi de uma amiga e colaboradora do blog, trazendo ideias de Gilles Deleuze (1925 a 1995), destacado filósofo francês, a respeito do comportamento humano, dos traços mais individuais, característicos e verdadeiros do indivíduo, centrados no que ele chamou de “traços de loucura”, claro, no bom sentido!

Vale boa reflexão. Leia a seguir:

“O Verdadeiro Charme De Uma Pessoa: “Seus Traços De Loucura”

*Gilles Deleuze disse certa feita que “O verdadeiro charme das pessoas reside nos seus traços de loucura”. Algo parecido diz o suíço, Alain de Botton, o qual fala que “As pessoas só ficam realmente interessantes quando começam a sacudir as grades de suas gaiolas”. Essas ideias referem-se ao que há de belo no ser humano, não em sua superficialidade, e sim, nas suas entranhas, no seu interior.

A loucura citada pelos filósofos pode ser traduzida como as idiossincrasias que formam uma pessoa. Ou seja, tudo aquilo que ela possui de único e insubstituível. As características peculiares, as quais nos tomam o pensamento e nos fazem sentir saudade. Aquilo que quando vemos parecido em alguém, automaticamente nos faz lembrar a pessoa. Todavia, é bom que se diga parecido, porque as idiossincrasias são únicas e singulares, de modo que se torna impossível buscar em outros lugares, o que apenas o ser carrega dentro de si.

Por isso, Deleuze afirma que só amamos de verdade uma pessoa quando percebemos a sua loucura.  A bem da verdade, é extremamente difícil encontrar pessoas que demonstrem a sua loucura e outras capazes de percebê-las. A maior parte de nós prefere viver de acordo com a normalidade, seguindo as regras, os padrões, se adequando e, portanto, sendo igual. Dessa forma, os traços de loucura, as idiossincrasias, são sufocados, quando não, mortos, pois acreditamos que a demonstração das nossas longitudes é um disparate sem tamanho, uma verdadeira “loucura”.

Sendo assim, acabamos nos tornando completamente iguais uns aos outros e, por conseguinte, desinteressantes, já que, como dito, o que nos faz enxergar alguém de um modo diferente e se sentir atraído está naquilo que percebemos de singularmente novo e que nos faz perceber que será inútil procurar em outros lugares aquilo que sabemos onde encontrar.

É por isso que existem pessoas insubstituíveis em nossas vidas, porque elas guardam dentro de si uma espécie de magia que se reverbera no encanto das suas peculiaridades. Entretanto, sentimos enorme dificuldade em perceber isso como a maior beleza que existe nas pessoas. Acreditamos que são defeitos, coisas que devem permanecer ocultas, mas as idiossincrasias significam intimidade, entrega, libertação, desejo e poesia. É o que permite que as lembranças sejam criadas, que a saudade se instaure, porque convenhamos, saudade do absolutamente igual não possui rosto.

Sabe, o que eu acho é que temos medo de descobrir que as nossas loucuras são maravilhosas, que não precisamos de tralhas para nos destacarmos, precisamos sacudir as grades e assumir o que somos, demonstrar sem medo as nossas “imperfeições” e enxergar no outro as suas coisas simples, bobas e unicamente maravilhosas, porque é sempre magnífico quando as águas saem do subterrâneo e explodem na superfície e, então, nos tornamos rios profundos de loucuras idiossincraticamente belas, como um quadro pintado na lucidez de um sonho.

PS – Gilles Deleuze nasceu na França e viveu de 1925 a 1995. Notável filósofo e professor de Filosofia em diversas Faculdades, publicou estudos sobre pensadores como Nietzsche, Kant e Spinoza, sendo apontado como um dos responsáveis pelo crescente interesse pela obra de Nietzsche. Habituado a ler e a espreitar de perto esses grandes pensadores, Deleuze tem como certo que “todos nós somos meio dementes” e que não se pode se apaixonar por uma pessoa quando não se percebe, nela, um essa “demência”, que é o seu “charme”. 

Fonte: https://www.portalraizes.com/deleuzecharme/

Publicado em Psicologia e comportamento | Deixe um comentário

Insiração musical: HAUSER – Nessun Dorma – Vídeo magnífico!

Neste sábado, trago vídeo com a bela música Nessun Dorma, na verdade uma ária do último ato da ópera Turandot, criada em 1926 por Giacomo Puccini, um clássico que ganhou popularidade nas marcantes apresentações do saudoso tenor italiano Luciano Pavarotti.

Você verá uma vibrante performance, com áudio pré-gravado, do premiado violoncelista croata HAUSER, acompanhado pela London Symphony Orchestra. Neste registro descontraído, o artista convida jovens instrumentistas para aparecerem no vídeo. Certamente, uma jornada elogiável e, mais do que tudo, inesquecível para aqueles promissores músicos!!!

O vídeo foi publicado no YouTube pelo próprio HAUSER. Curta a seguir (um show magnífico):

Publicado em Músicas | 2 Comentários