Sábado e música: ARPI ALTO canta Moon River – Uma delícia de vídeo!!!

Para este sábado, selecionei como inspiração musical um vídeo delicioso, de bela sonoridade e verdadeiro acalanto para a nossa alma, com a jovem cantora Arpi Alto (na verdade Arpi Petrosyan), uma armênia de 29 anos, cuja fisionomia lembra a atriz Julia Roberts. A esse respeito, já foi esclarecido inexistir qualquer grau de parentesco com a norte-americana, apesar de informações equivocadas que andaram circularam pela internet.

Interessante registrar que essa formosa cantora, além da sua bonita, doce e bem colocada voz, vem demonstrando muita versatilidade musical, ao interpretar canções de estilos diversos, incluindo alguns conhecidos sucessos da bossa nova brasileira, a exemplo de Garota de Ipanema e Mas que Nada.

Vale apreciar esta apresentação intimista (link do vídeo abaixo), com marcante arranjo e interpretação da imortal canção Moon River, composta por Henry Mancini e Johnny Mercer, em 1961, que ficou mundialmente conhecida ao ganhar o Óscar de melhor canção original, em 1962, com o filme Brakfast at Tiffany’s, interpretada pela atriz Audrey Hepburn.

Na gravação, cujo vídeo foi publicado pela artista sete meses atrás, também se destaca o impecável acompanhamento do guitarrista Alexander Hakobyan.

Curta!!!

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir ao próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (levar música ao vivo para casas de idosos é uma das frentes de atuação, iniciada em 2007), além de assegurar espaços na agenda para o exercício do autoconhecimento e para a meditação, no caminho da evolução pessoal permanente . Gosto de ler, de aprender coisas novas, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Músicas e marcado , . Guardar link permanente.

7 respostas para Sábado e música: ARPI ALTO canta Moon River – Uma delícia de vídeo!!!

  1. Jose Paes Landim disse:

    Veja só, se Moon River, por si só se põe como uma das músicas mais bonitas do repertório internacional, imagine em tão bela voz! Você não poderia preencher seu sábado de forma mais prazerosa. Numa coleção de preciosidades, que guardo com.muito cario, está lá Moon River. Felizes os amantes da música, dentre os quais está você. Parabéns.

  2. Sergio Roberto Silva Dattoli disse:

    Ouvindo esta canção, tenho a sensação de ter vivido, a maior época da musicalidade humana.
    Talvez seja, pela concepção do que se chama música, nos dias atuais.

  3. Claudio Vieira disse:

    Olá Clovis Datoli

    Bom dia !

    Desta vez, o senhor enviou uma perola, esta cantora Arpi Alto .
    Ouvi uma vez, Moon River, e logo em seguida uns covers dos Carpenters, e literalmente viajei. Ok , viajei para o passado, lembrando minha juventude , quando Karen Carpenter cantava , junto com seu irmão, estas deliciosas canções.
    Naquela procura típica da juventude, e sem saber de quase nada, querendo saber de tudo, lembro que a critica tinha um pé atrás dos Carpenters, mas as musicas eram ( são ) maravilhosas . Hoje, passado este tempo, ficam mais marcantes ainda, quando ouvimos covers desta natureza, ainda mais com arranjos simples e sofisticados , uma luxo para os ouvidos, e para a alma . Ao ouvir, fiquei pensando rapidamente na juventude, mas logo procurei deixar as lembranças para traz, e ficar no aqui e agora, olhando a singela beleza desta cantora.
    Não pude deixar de lembrar outro grande artista, John Lennon, que afirmava ( e ele estava certo ) que a vida é o que acontece lá fora, enquanto estamos fazendo planos.
    Ou seja, estou aqui no escritório , voce em casa, enfim , fazendo planos, e as cantores e cantores e artistas, surgindo às pencas , uns tão bons quanto outros , sem que saibamos ou tenhamos consciência ,exceto quando brotam , como cogumelos na chuva , para nossa estupefação
    Feliz este tempo de internet, em que podemos apreciar instantaneamente estas belezas ( quando a procuramos , claro ) .
    Por falar em juventude, somos ( creio ) do tempo em que coisas boas desta natureza, ficavam ocultas para grupos pequeníssimos , quase uma seita. Ninguem dividia as novidades boas. Isto marcou-me um tempo, pois ficava à procura de artistas que ninguém conhecia ,apenas para ficar “ por dentro “ . Esoterico, como diria Pitagoras . Mas no fundo mesmo , ficávamos exotéricos, como diria Platão , isto é, ficávamos de fora, achando que estávamos por dentro.
    Quanta musica boa deixamos de apreciar , apenas por se achar por dentro, por achar que um musico ou artista era melhor que outro. Isto quando não havia a famosa patrulha ideológica, que juntava todo e qualquer grupo ou artista inglês ou americano ( este principalmente ) , num balaio em que ninguém prestava. Vivi alguns poucos períodos assim .
    Mas meu amor por Karen Carpenter ( também tive outros amores americanos : Carole King , Carly Simon, e também francesas : Mireile Matieu ( ahh,como eu a amava ) , prevaleceu e sempre ouvi suas musicas ( e sofri com sua doença e morte ). Hoje , principalmente quando ouço seus posts, vejo-os com um outro olhar , com o aqui e agora, com a apreciação devida do valor do artista, mesmo que não tenha vivido ou apreciado no passado.
    Deixemos de coisas, cuidemos da vida, ou nos chega a morte ou coisa parecida …

    Abraços neste não-carnaval .
    Evoé !!

    Claudio vieira de melo

    • JCDattoli disse:

      Estimado Claudio, fico feliz que agora você tenha atendido aos meus apelos e, assim, tenha deixado aqui, como comentário do post, o seu registro. Meu caro, nesse comentário, em especial, você deu um banho de cultura musical, que eu já conhecia dos nossos diálogos pretéritos, por e-mail. Dá gosto perceber o seu bom-gosto e cultura geral. Você enriqueceu sobremaneira este espaço, reservado semanalmente, aos sábados, para trazer alguma inspiração musical, cuja seleção realizada busca levar uma boa audição para o público que me acompanha. Resta-me agradecer ao amigo. Até a próxima!

Deixe uma resposta para JCDattoli Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s