Inspiração musical: Volúpia de Amar / Cantando o Chorinho – Tributo ao meu pai!

Imagem musical

Peço licença a você que me acompanha, para fazer um momento musical diferente esta semana, que será dedicado, como tributo especial ao meu querido pai, Ângelo R. Dattoli.

Nascido em Jaguaquara, Bahia, ele nos deixou na noite da última sexta-feira, aos 92 anos, após cumprir uma bela existência aqui conosco. Resta-nos, para mim e para toda a nossa família, um sentimento de gratidão e mesmo de orgulho por tudo o que ele representou para nós!

Assim, como forma de homenagearmos essa figura humana que a todos cativava, que amava a poesia e a música, trago registro de duas das composições musicais dele que tive a satisfação de gravar, não faz muito tempo. Trata-se de Volúpia de Amar e Cantando o Chorinho, esta última feita em parceria com Enedino Lemos.

Fica aqui essa singela homenagem, pai, com todo o meu carinho!

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir ao próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (levar música ao vivo para casas de idosos é uma das frentes de atuação, iniciada em 2007), além de assegurar espaços na agenda para o exercício do autoconhecimento e para a meditação, no caminho da evolução pessoal permanente . Gosto de ler, de aprender coisas novas, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Músicas e marcado , . Guardar link permanente.

27 respostas para Inspiração musical: Volúpia de Amar / Cantando o Chorinho – Tributo ao meu pai!

  1. Davi Dattoli disse:

    Obrigado Clóvis! Bela homenagem ao nosso querido e amado pai.

  2. Aira disse:

    👏🏻👏🏻👏🏻 linda homenagem.
    Que a paz e a certeza do reencontro abrande a saudade.

  3. Viana disse:

    Linda e merecida homenagem a esse querido amigo. Fomos brindados com a sua amizade.

  4. Francisco Siqueira disse:

    Olá, amigo Dattoli!
    Só agora despertei do susto que tive com a notícia, tristonha, da perda de seu velho pai, na justa expressão da linguagem do filho.
    Um grande exemplo de vida e recordações, eis um retalho de sua biografia, nas palavras do filho que presta um lindo tributo ao pai.
    Sim, um tributo a Ângelo, aos 92 anos de idade, canta o filho, lá do alto do Porto da Barra, para olhar mais perto o céu, contendo o choro nessa volúpia de saudade!
    Nos olhos profundos de uma bela senhora de nome Celeste, que marejam sobre as águas da Baía de Todos os Santos, repousa toda a pureza da vida, numa fonte de amor construída em parceria com um forte cavaleiro vindo das bandas de Jaguaquara.
    Meu sentimento de grande pesar, amigo, a você e toda a família Dattoli, por essa dor tão doída que representa a perda do ilustre patriarca.
    Mas, se alguma boa inspiração me socorre, eu lhe direi, amigo, canta, canta!, com a certeza de que o poeta não morre… um certo dia ele parte e se encanta!
    Um fraterno abraço do amigo.
    Francisco SIQUEIRA

  5. Zé Rosa disse:

    Bela homenagem, meus sentimentos. Forte abraço.

  6. Ada disse:

    Nossos sentimentos Datolli que Deus conforte seu coração e toda a sua familia, linda composição e homenagens ao seu pai.
    abraços
    Ada e Jeff

  7. Marden Soares disse:

    Receba meu abraço solidário, meu amigo. Lembro do jeito manso, da fala mansa do seu Anjinho. Esse vírus é mesmo terrível. Linda e comovente a homenagem.

  8. dulcedelgado disse:

    Sem dúvida, uma sentida e bonita homenagem que permanecerá por aí …voando…
    Um abraço e os meus sentimentos à família.

  9. JCDattoli disse:

    Muito grato pelo generoso registro, Dulce!

  10. PEDRO disse:

    Bela homenagem, primo. Meus sentimentos.🙏🏻

  11. Luci disse:

    Que música linda! ❤️ Arranjo perfeito! Um verdadeiro poema de amor! Maravilha!!! 🌷

  12. JCDattoli disse:

    Certamente, Luci. Em Volúpia de Amor, há cerca de 65 anos, o meu pai demonstrava ser um homem apaixonado!

  13. Lívia Rocha disse:

    Linda homenagem primo!👏👏👏👏💔

  14. ADEMIR NICARETTA disse:

    Linda homenagem, não são todos que tiveram a benção de ter um pai assim, tá explicado: filho de peixe, peixe é.

  15. Sandra Fayad Bsb disse:

    Linda interpretação desse maravilhoso poema. As imagens e o a montagem da apresentação ficou espetacular. Parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s