Você é sugestionável? Como fazer para não se contaminar por influências negativas e absorver as positivas?

“Influenciadores falam da maneira mais convincente possível, de modo que não haja margem para desconfianças”

Com o poder da internet e a força avassaladora das redes sociais, as informações, de toda ordem, e com as mais diversas finalidades, estão aí em abundância, trazendo número de influenciadores digitais que não para de crescer. Uma questão que naturalmente emerge é: como saber filtrar tudo isso, identificar as pegadinhas, não se deixar influenciar (sugestionar) por publicações infundadas, tendenciosas, e que acabem afetando os seus próprios pensamentos e valores? Sem dúvida, eis um grande desafio para os tempos atuais!

Assim como não existe almoço grátis, é preciso ter em mente que as falas, os vídeos, os textos, os livros etc., ao serem pensados, produzidos e veiculados, têm como objetivo em comum, sem prejuízo de outros objetivos específicos, exercer a maior influência possível na audiência. Essa é a lógica presente em cada argumento, e não poderia ser diferente.

Por conta disso e da realidade dos processos de comunicação de hoje, incrementada pelo mundo digital ao alcance de todos, veio em hora muito oportuna, na minha percepção, o excelente artigo “Você é sugestionável? Veja como absorver somente influências positivas”, publicado, dois dias atrás, no blog UOL VivaBem.

Nesse texto, estudiosos da funcionalidade do cérebro explicam a respeito desse fenômeno, principalmente o mecanismo que leva a pessoa a abrir a guarda para aceitar como boas informações reprováveis e, por consequência, ser mais facilmente influenciada. Como diz um desses especialistas, “a reflexão é indispensável para não nos enganarmos pela aparência das coisas”.

E como não ser manipulado, não abrir mão da própria personalidade? O grande segredo disso tudo é a capacidade individual de ouvir/ler, processar e absorver o que há de positivo nos argumentos e diferentes pontos de vista dos outros. Ou seja, é a capacidade individual de refletir. Como está evidenciado no texto, esse exercício de reflexão é fundamental para que a pessoa não se desconecte de si mesmo.

Portanto, toda a atenção e esforço nesse sentido valem a pena, farão toda a diferença!

Assim, recomendo muito a leitura do artigo, pelos esclarecimentos e alertas que julgo interessantes e úteis para os tempos atuais. Confira, clicando no link a seguir:

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir ao próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (levar música ao vivo para casas de idosos é uma das frentes de atuação, iniciada em 2007), além de assegurar espaços na agenda para o exercício do autoconhecimento e para a meditação, no caminho da evolução pessoal permanente . Gosto de ler, de aprender coisas novas, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Educação, Livros e leitura, Motivação e crescimento humano, Psicologia e comportamento. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s