“Saia foi feita para mulher…” – Crônica faz tributo à beleza feminina!

Nesta noite de sexta-feira, tomado pelo clima de mais um fim de semana, parece-me bem apropriado postar alguma coisa com toque poético e evidente romantismo.

Com esse espírito, trago a excelente crônica escrita pelo conterrâneo e amigo Sérgio Belleza, que acabo de receber do próprio autor, realçando, de forma inteligente e bastante inspirada, os atributos encantadores da figura feminina!

Leiam a seguir:

Resultado de imagem para mulher elegante Imagem: Mix Dicas

 

“Saia foi feita para mulher…

Sérgio Belleza*

E calça para homem. No início dos anos 70, no auge da minha juventude em Jaguaquara, o Planeta Terra sofre mutações e tudo vira pelo avesso! O rumo das coisas no mundo, especialmente no Brasil e na Bahia, mudam, assustadoramente. É a década da alternativa, do fazer, de ser diferente. A minha cidade exagera no consumo do novo, do moderno, sobretudo da liberdade e da extravagância!

Aí aparece a minissaia e cai no gosto das meninas! A moda pega e os jovens e os adultos, ficam todos boquiabertos! Desde que vi uma garota desfilando com uma minissaia, nunca mais deixei de admirar uma “belezura”, como se dizia, usando saia, sobretudo com 5, 7cm acima do joelho. Com o passar dos anos, aprendi a contemplar a beleza de uma mulher de saia e a sentir pequenos detalhes que proporcionavam um espetáculo de ilusão aos meus olhos. Compreendi também que me embevecer com a beleza de uma mulher na minúscula saia, era a capacidade de desejá-la sem perder a ternura e respeito pela obra divina do Criador!

O ilustrador, cartunista e pintor francês, Jean-Albert Carlotti (1909-2003), definiu a beleza da mulher como “o somatório de todas as partes a trabalharem em conjunto de tal forma que nada necessite ser acrescentado, retirado ou alterado… e isto és tu: a Beleza”. Carlotti certamente tinha visto naquele momento uma linda mulher com uma saia acima do joelho. Para mim, o belo não passa despercebido! Não admirar uma mulher com um corpo harmonioso, belas pernas e de saia curta, é olhar um lindo jardim e nada sentir! É como ver o infinito do mar, o nascer do sol, o recuar do entardecer, o canto dos pássaros, o sorriso de uma criança sem sentir um aperto no fundo do peito. Mesmo porque, a beleza das coisas existe no espírito de quem as contempla de todo o seu coração!

Alguns admiram, outros apenas enxergam a beleza das coisas, a beleza de uma jovem de minissaia, de uma mulher de saia curta, ou uma senhora de saia. Quando meus olhos e minhas palavras deixarem de expressar o que o meu coração sente, prefiro morrer. Bob Marley dizia que alguns sentem a chuva, outros apenas se molham. Sentir é vibrar, admirar, viver com intensidade, mas com naturalidade, maturidade, e saber identificar os desejos ardentes do  coração.

Saia foi feita pra mulher, e calça para homem. Calça para homem dispensa comentários. Para a mulher a calça também fica muito bem, porém requer imaginação. Saia é outra coisa.

A saia em seus diversos estilos traduz elegância, sensualidade e beleza. Algumas em destaque há anos – a “plissada” que dá um ar de vintage aos looks, a de “prega” um ar fetichista; a “drapeada” mais ajustada ao corpo.  E ainda a de “babados” para as longevas. A “evasê” é ícone da Vanguarda dos anos 60, utilizada por jovens e senhoras. A saia godê, típica dos anos 1950 e 1980 e, usada nos dias atuais, é sinônimo de romantismo e feminilidade. Ou a minissaia para desestruturar ainda mais o já combalido macho latino-americano.

Num shopping, na rua, em qualquer lugar, quando uma mulher passa de saia desfilando no palco da vida, ela expõe por inteiro sua simetria entre a arte e o belo, é a própria extensão do sublime. Em tempo ressalto – não devemos admirá-la ou elogiá-la por partes, é necessária a harmonização circunspecta de todo o seu ser.

*Sérgio Belleza é administrador, empresário, consultor e autor dos livros, Caminhado com Walkyria e Ascensão e Queda de um Império Econômico. srsbelleza@bol.com.br / www.sergiobelleza.com.br.

Anúncios

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir o próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (acabo de retomar o projeto 'música para idosos'), além de assegurar espaços na agenda para reflexões e meditações. Gosto de ler, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Poesia. Bookmark o link permanente.

4 respostas para “Saia foi feita para mulher…” – Crônica faz tributo à beleza feminina!

  1. Jose Paes Landim disse:

    Simplesmente de parabéns está o autor de tåo bela crônica, sobretudo pelo toque que lhe dera, enriquecendo- a com uma não menos bela linguagem. Em nossa última crônica, a ser publicada, eu, ao me lembrar do Paralelos, de Victor Hugo, dele, reproduzi ” que a mulher é o mais sublime dos ideais” .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s