7 verdades sobre a vida que normalmente esquecemos

Bem, ainda que atribuir como ‘verdade’ qualquer coisa possa gerar controvérsia, suscitar discussões e até mesmo polêmica, reproduzo o interessante artigo abaixo, publicado no site A Mente É Maravilhosa, a respeito de verdades da vida que esquecemos.

Na linha do que pensa a autora, concordo que esses pontos são significativos e deveriam, portanto, merecer nossa atenção e uma maior prontidão no cotidiano. Acredito mesmo que praticar as referidas verdades facilita sobremaneira a evolução interior, a sensação de bem-estar e o êxito, em sentido amplo,  de qualquer pessoa.

Leiam a seguir:

“7 verdades sobre a vida que normalmente esquecemos

7 verdades sobre a vida que normalmente esquecemos

É realmente surpreendente a facilidade que temos para esquecer as verdades mais importantes sobre a vida. Com o tempo passamos a ignorá-las, não damos a elas o valor que merecem e voltamos aos antigos hábitos. É como se a gravidade nos atraísse para eles, para a nossa “zona de conforto” onde estão os vícios que alimentamos durante anos.

É por isso que hoje nós queremos compartilhar com você algumas verdades sobre a vida que nunca é demais lembrar. São algumas certezas que, com suas nuances, são praticamente verdades universais.

Seja humilde para admitir seus erros, inteligente para aprender com eles e maduro o suficiente para corrigi-los.

Verdades sobre a vida que vêm e que vão

Por que é necessário recordar sempre essas verdades? Porque nos ajudarão a nos concentrarmos em nossos objetivos para alcançarmos nossas metas, acreditarmos em nós mesmos e crescermos. Elas são o nosso verdadeiro impulso para alcançar qualquer coisa que quisermos.

Além disso, lembrar-se destas verdades sobre a vida vai nos ajudar a alcançar um maior equilíbrio emocional. O bem-estar que experimentamos quando alcançamos esse equilíbrio nos fará sentir muito satisfeitos com nós mesmos.

1. Você não precisa de uma desculpa para perdoar

Por que sempre precisamos de uma desculpa para perdoar? Porque, às vezes, as pessoas nos magoam tanto que é impossível esquecer. Isto leva ao ressentimento que nos transforma em pessoas amargas e tristes. Sem perceber, estaremos alimentando o ressentimento, a raiva e o ódio.

mulher-pensando-em-verdades-sobre-a-vida

Por que é tão difícil perdoar? Porque o nosso orgulho nos impede de esquecer e deixar para trás as experiências negativas causadas pelas outras pessoas. Acreditamos que perdoar é uma forma de nos humilharmos diante do outro e não nos damos conta de que é um ato de amor muito libertador.

“Virar a página” o ajudará a deixar para trás essa carga pesada de emoções negativas. Não espere qualquer desculpa para perdoar e começar a transformar todas essas emoções negativas em positivas.

2. Você está vivendo a vida que criou

Você acha que não tem sorte? Você acredita que o mundo está contra você? Diferentemente do que você pode acreditar, a vida que você vive é uma escolha sua e só você pode mudá-la se não está satisfeito. O que está esperando para mudar?

Há muitas pessoas que acreditam que o destino lhes pregou uma peça e que tiveram que enfrentar situações cheias de negatividade e maus momentos. O que elas não sabem é que elas próprias criaram isso, e que podem mudar tudo a qualquer momento.

Assuma o controle, não se conforme e nem se arrependa pelo que você tem permitido. Não existe má sorte, existe um medo de correr riscos e tomar decisões. Mesmo que você não acredite, existe uma saída! Aprenda a correr riscos e vai perceber que tudo pode melhorar.

3- Aceite que a vida é injusta

A vida é injusta e, infelizmente, não está em nossas mãos mudar isso. Estamos sempre pensando e esperando que tudo mude: rejeitar as situações simplesmente porque nós não gostamos delas nunca será algo positivo.

Costumamos prestar muito mais atenção nas circunstâncias mais complicadas, como o divórcio, desgosto, um acidente … Isto parece ofuscar as experiências positivas e nos esquecemos de que temos mais experiências positivas do que negativas ao longo da vida.

Precisamos aceitar a vida como ela é, com os seus detalhes bons e ruins. Tudo tem seu lado bom, mesmo que não consigamos perceber em um primeiro momento. Pense que uma decepção pode não ser uma situação desagradável, mas uma oportunidade para vivermos novas experiências.

4- Viva o momento, é tudo o que temos

Muitas pessoas vivem no passado ou pensam muito sobre o seu futuro e se esquecem de viver o presente. Temos somente este momento, o aqui e agora, e se você não aproveitar, mais cedo ou mais tarde pode se arrepender.

Não há necessidade de viver no limite a cada dia, porque temos muitas responsabilidades que não podemos ignorar. Avaliar tudo o que temos agora e aproveitar ao máximo as pessoas que estão ao nosso redor nos fará muito mais felizes.

Se o passado o persegue, liberte-se dele, aprenda com as experiências vividas e deixe-o ir. No entanto, se o futuro é o seu grande problema, coloque em prática essa pequena frase que nossas mães nos disseram tantas vezes: “tente não deixar para amanhã o que você pode fazer hoje”.

5. Estar ocupado não é o mesmo que ser produtivo

Às vezes confundimos ser ocupado com ser produtivo e não percebemos que se fôssemos produtivos teríamos muito mais tempo disponível. Quando aproveitamos as horas de trabalho, temos mais tempo para nós mesmos.

mulher-enfrentando-verdades-da-vida

Se não somos produtivos, o estresse e a ansiedade tomam conta da nossa vida e adiamos situações que gostaríamos de desfrutar, como um jantar com aqueles amigos que não vemos há tanto tempo.

Organizar melhor a nossa vida e introduzir algumas técnicas para que o nosso trabalho e tempo sejam mais proveitosos nos ajudará a nos sentirmos melhor e termos mais tempo para nós mesmos e para as pessoas que amamos.

6. Os grandes sucessos são precedidos pelos fracassos

Quando começamos a andar tropeçamos mil vezes, mas o resultado final é positivo: aprendemos a andar. O mesmo acontece em todos os aspectos de nossa existência: os erros são necessários para que possamos atingir a meta final. Com os fracassos aprendemos a valorizar tudo o que conseguimos.

O grande problema surge quando acreditamos que cada fracasso é um erro que deve ser corrigido imediatamente. A vergonha nos bloqueia e não conseguimos seguir em frente.

Por isso, é importante perceber cada um dos seus fracassos como uma oportunidade para alcançar os seus objetivos. Os fracassos não são seus inimigos, são seus aliados. Não tenha medo, apoie-se neles.

7. Você é o reflexo das pessoas com quem se relaciona

Acreditamos que as pessoas com as quais nos relacionamos não influenciam as nossas decisões, a nossa forma de agir e viver. Tudo isso é um engano. Você acredita que, se conviver com pessoas tóxicas, não se transformará em uma delas?

mulher-pensando-em-verdades-sobre-a-vida

Você pode até não se tornar uma pessoa tóxica, mas talvez sofra as consequências de estar perto delas. Você deixará de sorrir, se tornará uma pessoa triste e pode até se sentir culpada por circunstâncias que não lhe dizem respeito …

Definitivamente, as pessoas com as quais interagimos podem nos influenciar positiva ou negativamente. Tudo depende de nós mesmos, porque podemos escolher e, se por acaso não pudermos, está em nossas mãos deixar que isso nos afete ou não.

Eu não mudei, somente aprendi, e aprender não é mudar, é crescer.

Estas são algumas verdades sobre a vida que podem nos ajudar a cada dia. Lembrar-se delas todos os dias e repeti-las como se fossem um mantra pode ser muito benéfico. Às vezes nos esquecemos, mas em alguns momentos elas podem ser realmente necessárias. Será que você pode adicionar mais algumas verdades a esta lista?

Por: Marli Guári

Fonte – http://amenteemaravilhosa.com.br/7-verdades-vida-normalmente-esquecemos/
Anúncios

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir o próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (acabo de retomar o projeto 'música para idosos'), além de assegurar espaços na agenda para reflexões e meditações. Gosto de ler, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Meditação e Espiritualidade, Motivação e crescimento humano. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s