Homenagem a Adélia Prado nos versos de um belo cordel!

Abrindo vez para a poesia, neste espaço da música e das artes que temos aqui todo fim de semana, trago hoje mais um belo trabalho de Gustavo Dourado, poeta, cordelista e presidente da Academia Taguatinguense de Letras – DF, com o título “Cordel para Adélia Prado“.

Muito boa a composição, cujos versos nos permitem apreciar a obra e a grandeza da brilhante poetisa mineira, merecidamente homenageada!

Leiam a seguir:   

Cordel para Adélia Prado

Adélia Prado pulsa arte
Sonho, criatividade
Dos idos de 35
A verve da vitalidade
Artesã de prosa e verso
Multiversa a liberdade

Divinópolis, Minas Gerais
Onde cavalga o destino
No Grande Sertão: Veredas
Rosadélia, sol menino
Despertou o magistério
Na moça de traço fino

Nas plagas de Minas Gerais
À literatura se destina
Com a veia drummondiana
Engenhosidade de menina
Floresceu em sua alma
Arquitextura feminina

Idos dos anos 50
Tirou o ouro da mina
Surgem os primeiros versos
No raio da silibrina
Veio a saudade da mãe
Que a eternidade destina

Adélia casou-se com Freitas
Boa prole germinou
Filosofia, Ciências e Letras
Em Divinópolis estudou
Na estrada com Romano
E Drummond que avalizou

Affonso Romano de Sant’Anna
Para Drummond enviou
Os versos de Adélia Prado
Que a Imago publicou
Veio ao mundo Bagagem
A poesia transbordou

1975
Onde tudo começou
Na magia da escrita
Sua nascente brotou
A poesia de Adélia
Logo se frutificou

Prosa “Soltem os cachorros”
Adélia não mais parou
Com O Coração disparado
O Jabuti ela ganhou
Teatro, balé, histórias
Ao povo ela encantou

Traduzida em várias línguas
Em inglês e italiano
No idioma espanhol
De Cervantes, nosso arcano
E na língua de Camões
Dá seu toque soberano

O monólogo Dona Doida
Grande sucesso teatral
Com Fernanda Montenegro
Nossa atriz primordial
A maestria em cena
Com a intérprete magistral

Manuscritos de Felipa
José Siqueira adaptou
Tornou-se Dona de Casa
No palco disseminou
A poesia de Adélia
Nosso coração tocou

Tem o olhar amoroso
O toque da sutilidade
Com seu tom inovador
Cria luminosidade
A fé católica presente
Em sua vivacidade

Adélia da voz ao simples
Detalha o cotidiano
Valoriza a mulher
Viaja no altiplano
Mãe e dona-de-casa
O verso é seu arcano

Poeta, professora, filósofa
Gosta de contar história
A fé e o sentimento
Estão em sua trajetória
O sagrado, o religioso
Pelos campos da memória

80 anos de vida
Escritora sem igual
Recebe bela homenagem
Na III Bienal
Adélia em prosa e verso
É estrela universal

Foto do perfil de Gustavo DouradoGustavo Dourado.

Fonte – https://www.facebook.com/fgcdouradodf?fref=ts.
Anúncios

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir o próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (acabo de retomar o projeto 'música para idosos'), além de assegurar espaços na agenda para reflexões e meditações. Gosto de ler, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Poesia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s