Entenda como seu cérebro toma decisões enquanto você dorme e saiba estimulá-lo!

Ninguém duvida de que o sono é reparador, que a pessoa se sente bem após dormir uma certa quantidade de horas e, até mesmo, que dormir ajuda a clarear determinadas ideias. Mas, assim como muita gente, eu joguei por longo tempo no time dos que acreditavam que quanto menos dormir, melhor. Assumi, quando mais jovem, a crença de que dormir era perda de tempo, de que dormir muito era coisa de preguiçoso, e por aí vai.

Mais recentemente, conhecendo resultados de estudos sobre o que acontece com o nosso cérebro durante o sono, sobre a sua capacidade de limpar neurônios degenerados e, mais ainda, sobre a revelada capacidade de que o cérebro é capaz de tomar decisões enquanto dormimos, obviamente já revi por completo meus conceitos e tenho muito mais clareza sobre os benefícios proporcionados pelo sono.

Graças aos avanços obtidos com o uso da tecnologia e como resultado de inúmeros estudos científicos, o nível de entendimento sobre o cérebro humano vem aumentando exponencialmente, dia após dia. Como amostra disso, vejam, por exemplo, o vídeo “Coisas que o nosso Cérebro faz enquanto Dormimos“, a seguir, que foi publicado no YouTube em 30 de abril deste ano (duração de apenas 3:08):

Adicionalmente, reproduzo interessante matéria publicada no portal Época Negócios, abaixo, trazendo dicas de técnicas que estimulam o cérebro a encontrar soluções enquanto dormimos.

Que tal induzir seu cérebro a resolver problemas para você durante seu sono? 

Confira e tire o melhor proveito!

“O poder do cérebro: 5 passos para tomar decisões dormindo

Dormir pode, de fato, pode ajudar a resolver um problema, mas você pode ‘forçar’ seu cérebro a trabalhar por você

Carreira ; vida ; saúde ; acordar ; repousar ; sono ; disposição ; (Foto: Shutterstock)        (Foto: Shutterstock)

Quase todo mundo conhece a sensação de acordar e perceber que aquele grande problema que você enfrentava não é tão complicado quanto parecia na noite anterior. É como se a solução, ou pelo menos qual rumo seguir para resolver a questão, surgisse assim que você acorda. Isso acontece, em parte, porque quando uma pessoa dorme, o córtex pré-frontal — a parte do cérebro que faz com que cada um tenha suas características pessoais — se desacelera. Isso significa que sua personalidade, decisões e controles sociais de desligam à medida que você adormece.

Quando uma pessoa está dormindo, o subconsciente realmente tem o controle de sua mente — e pode fazer seu trabalho sem interferências. Mas há algumas coisas que podem ser feitas para “forçar” seu subconsciente a tomar as decisões por você.

Em artigo publicado na Fast Company, Neil Pavitt, autor do livro “Brainhack: Tips and Tricks to Unleash Your Brain’s Full Potential” (Hackeando seu cérebro: Dicas e truques para liberar todo o potencial de seu cérebro, em tradução livre), aponta maneiras de incentivar seu cérebro a buscar soluções para o seu dia a dia.

Entenda como seu cérebro resolve problemas sem você

Enquanto o consciente descansa, o subconsciente trabalha para “dar sentido” aos eventos do dia e elencá-los na memória de longo prazo. Nesse momento, se você tem algum problema em mente, o subconsciente vai trabalhar também sobre ele. O resultado desse processo depende de algumas coisas. Em primeiro lugar, seu consciente precisa estar engajado na busca da solução do problema. Além disso, você precisa desejar, de verdade, a resposta para que seu subconsciente trabalhe nisso.

Como estabelecer objetivos para seu subconsciente

Existe uma forma de ajudar seu subconsciente a fazer o trabalho por você: determinar objetivos a ele. Por exemplo, você está infeliz com seu trabalho e não sabe se deve pedir as contas ou não. Ao pensar nisso acordado, seu consciente sente o conflito entre opiniões e emoções diferentes. Mas quando seu subconsciente trabalha no assunto, acessa todos os fatos e informações relevantes de forma mais calma. Confira os cinco passos para incentivar seu subconsciente a trabalhar em um assunto específico:

1. Antes de se deitar, passe 30 minutos pensando no assunto. Faça isso de forma relaxada, sem forçar sua mente, mas analisando os vários ângulos do problema.

2. Antes de se deitar, escreva o problema em um papel e leia em voz alta, como se perguntasse a si mesmo o que está buscando. Estabeleça então um prazo para resolver a questão. Tenha em mente que colocar muita pressão pode causar estresse, e você não quer passar a noite em claro pensando no problema, mas que alguma pressão pode ajudar. Por exemplo: você poderia escrever no papel “Estou descontente com meu trabalho e quero decidir o que fazer. Gostaria da resposta até às 7h, quando acordar”.

3. Ao acordar, escreva imediatamente todos os seus pensamentos e sonhos. Não se preocupe se a resposta não parecer óbvia. Tome um banho — é uma ótima atividade se você quer se lembrar das ideias que seu subconsciente teve à noite.

4. Uma xícara de chá ou de café pode ajudar, ainda mais se você se acomodar em um cantinho confortável, com caneta e caderno em mãos. Durante meia hora, apenas escreva o que viver à cabeça, sem se preocupar muito se as ideias fazem sentido — só coloque-as no papel.

5. Depois de ler tudo o que escreveu, deixe seu consciente debater as ideias.

Ao final do processo, pode ser que você não tenha uma ideia brilhante à sua frente, mas pode se surpreender como as coisas estarão mais claras. No mínimo, você estará muito mais perto da solução do que estava antes de ir dormir.

Fontehttp://epocanegocios.globo.com/Vida/noticia/2016/09/o-poder-do-cerebro-5-passos-para-tomar-decisoes-dormindo.html
Anúncios

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir o próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (acabo de retomar o projeto 'música para idosos'), além de assegurar espaços na agenda para reflexões e meditações. Gosto de ler, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Motivação e crescimento humano, Saúde. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s