Por que colaboradores são mais importantes que clientes

Trago hoje, em artigo de Daniel Scott, publicado no boletim LinkedIn Pulse (29 de agosto de 2016), uma abordagem muito inteligente, com bons exemplos práticos, mostrando como é importante saber se relacionar com os colaboradores, saber cuidar e tratá-los com distinção. Ou seja, colocar o capital humano como real prioridade para o êxito das estratégias pretendidas.

O resultado natural, mais uma vez comprovado aí no texto, será sempre um bom clima organizacional, satisfação com o trabalho e sucesso do negócio (da organização)!

E cabe atentar para o fato de que esse estilo de administrar – ou de liderar – vale para qualquer tipo e tamanho de organização e, também, de relação de trabalho.

O texto abaixo, portanto, merece leitura  e boa reflexão

Por que colaboradores são mais importantes que clientes

“Por que colaboradores são mais importantes que clientes

Em 2014 comecei a desenvolver uma startup de construção civil junto a amigos e, em apenas 1 ano, conseguimos gerar uma receita de alguns milhões de reais anuais. Durante esse período, aprendi que a felicidade e bem-estar dos funcionários deve sempre vir acima de tudo – inclusive de fechar uma venda com um cliente.

“Família em primeiro lugar e empresa em segundo”

A ênfase na qualidade de vida do colaborador foi o que permitiu com que alavancássemos o negócio em tão pouco tempo. Ao invés de investir toneladas de dinheiro em vendedores e marketing, optamos por fazer com que os próprios colaboradores fossem nossa maior referência.

Colaboradores felizes geram equipes comprometidas, o que gera inovação e qualidade no serviço, o que, por sua vez, faz com que os clientes anseiem seu produto. O resultado final é um só: dinheiro no seu bolso.

Momentos de tensão

O ramo da construção civil no Brasil não é para amadores e tivemos que aprender isso na prática. Uma obra envolve grandes riscos para os operários, inclusive de morte.

Pessoalmente, vi um dos nossos operários quase perder o braço quando um disco arrebentou na serra e outro que ficou seriamente ferido ao cair de uma escada em cima de um vergalhão. Histórias de pessoas que morreram em acidentes bobos são comuns no ramo – infelizmente.

Como responsável pela saúde e pela vida de dezenas de homens (muitos dos quais sustentavam suas famílias), eu acabei entendendo que cuidar dos funcionários é a parte mais importante de uma empresa, já que é a força deles que mantém a máquina funcionando.

Para aperfeiçoar a empresa, me inspirei em um dos grandes ícones da excelência operacional, Paul O’Neill. Ele foi presidente da Alcoa durante a década de 90 e conseguiu transformar a metalúrgica (um ramo tradicionalmente perigoso) em uma das empresas mais seguras para se trabalhar no mundo.

Essa medida fez com que os lucros da Alcoa triplicassem, uma vez que os funcionários passaram a transformar a segurança em um hábito, o que reduziu o número de acidentes de trabalho e aumentou a produtividade. O’Neill se tornou um dos empresários mais reconhecidos do mundo após essa experiência.

Mas você tem que tomar cuidado

É importante ressaltar que, por mais que você se esforce o máximo para ajudá-los, não espere que eles estejam tão comprometidos com o seu negócio quanto você. Isso era algo que me irritava bastante, mas eu consegui entender o motivo.

Por que eles deveriam estar preocupados com um negócio que não é deles? Você se preocuparia? Por mais zeloso que você seja (e eu sou bastante), sempre acabamos cuidando menos do que não é nosso. Isso é natural do ser humano.

Entretanto, é possível reduzir esse problema. E a forma de fazer isso é tratando os funcionários como indivíduos, dotados de sentimentos. Você precisa saber entender o que cada trabalhador quer receber da sua empresa. Não ache que todos querem apenas dinheiro. Cada um tem uma necessidade diferente.

A gente notou, por exemplo, que se trouxéssemos café da manhã toda segunda-feira para o pessoal de obra e comêssemos junto a eles, a moral da equipe imediatamente se elevava, o índice de faltas diminuía e a produtividade aumentava assustadoramente. Uma atitude simples, mas que trazia um impacto enorme.

Continua…

Leia o artigo na íntegrahttps://www.linkedin.com/pulse/por-que-colaboradores-s%C3%A3o-mais-importantes-clientes-daniel-scott?trk=eml-b2_content_ecosystem_digest-recommended_articles-100-null&midToken=AQFJ3dl-EPlJpQ&fromEmail=fromEmail&ut=3mMbvqo4s6DTo1

Anúncios

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir o próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (acabo de retomar o projeto 'música para idosos'), além de assegurar espaços na agenda para reflexões e meditações. Gosto de ler, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Liderança, O ser humano no contexto das organizações. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s