“Quantos anos tenho?” (bela reflexão)!

Resultado de imagem para quantos anos eu tenho josé saramago

Pedindo desculpas a meus leitores e seguidores, estou retificando esta publicação, que postei em 12 de outubro de 2015. Induzido a erro pelas publicações que circulavam (e ainda circulam) na Internet, incluindo o vídeo espanhol que cito ao final da postagem, constou que o poema ‘Quantos Anos Tenho?’ era de autoria do escritor português José Saramago. Alertado por um leitor deste blog, acabo de verificar que o texto não é de Saramago, mas de autoria desconhecida, conforme esclarecido pela Fundação José Saramago, de acordo com informação registrada hoje (6 de agosto de 2018) no site ‘CONTI outra’: https://www.contioutra.com/quantos-anos-tenho-belissimo-texto-de-jose-saramago/, que transcrevo a seguir:

“Estimada senhora
Agradeço o seu contacto e informo que o texto que transcreve, e que circula profusamente na net, não é da autoria de José Saramago. Independentemente da qualidade de que o texto se possa revestir, trata-se de uma das inúmeras falsas atribuições que circulam na internet sem que possa haver qualquer controlo sobre elas.

Cordialmente

Rita Pais
Coordenadora literária
FUNDAÇÃO JOSÉ SARAMAGO”

Dito isto, a publicação, agora retificada, fica assim:

Transcrevo, a seguir, o primoroso poema Quantos Anos Tenho, de autoria desconhecida (incorretamente atribuído ao escritor José Saramago), retratando, com preciso pragmatismo, o real significado da idade de vida!

Temos aí mais um texto demonstrando que a idade cronológica é apenas um referencial, não devendo ser-lhe dada tanto valor, pois o importante mesmo é o estado de ânimo da pessoa, como se sente, sua vontade, seus sonhos, desejos e sua real disposição.

Até porque, como a vida nos ensina, existem jovens que já são velhos e, em número cada vez maior, existem idosos com invejável jovialidade! 

“Quantos anos tenho?”

“Quantos anos tenho?

Que importa isso!

Tenho a idade que quero e sinto!

A idade em que posso gritar,

Sem medo aquilo que penso.

Fazer o que desejo, sem medo ao fracasso

Pois tenho a experiência dos anos vividos,

E a força, e a convicção de meus desejos.

Que importa quantos anos tenho!

Não quero pensar nisso!

Pois uns dizem que já sou velho

Enquanto outros “que estou no apogeu”.

Porém não é a idade que tenho,

Nem o que as  pessoas dizem,

senão o que meu coração sente, e o meu cérebro me dita…
tenho os anos necessários para gritar, o que penso
fazer o que quero, reconhecer erros velhos
rectificar caminhos e somar êxitos
tenho a idade em que as coisas se olham com mais calma
porem com o interesse de seguir crescendo.
Tenho os anos em que os sonhos
se começam, a acariciar com os dedos,
e as ilusões se convertem em esperança.
Tenho os anos em que o amor,
às vezes é uma louca lavareda,
ansiosa de consumir-se no fogo,
de uma paixão desejada.
E outras vezes…num remanso de paz, como o entardecer na praia
quantos anos eu tenho?
Não necessito marcá-los com um numero,
pois os meus desejos alcançados,
as lagrimas que pelo caminho derramei,
valem muito mais que isso.
Que importa, se tenho, cinquenta, sessenta, ou mais!
O que importa é a idade que sinto!
Tenho os anos que necessito para viver livre,
pois levo comigo,
a experiência adquirida, e a força dos meus desejos
quantos anos eu tenho???
Isso a quem lhe importa?
Tenho os anos suficientes, para perder o medo,
e fazer, o que quero e sinto
que importa quantos anos tenho, ou quantos espero,
se com os anos que tenho…
aprendi a querer o necessário, e a agarrar…apenas o bom da vida!!!”
(autoria desconhecida)

 

Segue vídeo desse poema, em espanhol, “Que Cuánto Años Tengo”, declamado magistralmente por Miguel Angel Andrin, disponível no YouTube (duração de apenas 3:27):

Anúncios

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir o próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (acabo de retomar o projeto 'música para idosos'), além de assegurar espaços na agenda para reflexões e meditações. Gosto de ler, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Motivação e crescimento humano, Poesia. Bookmark o link permanente.

9 respostas para “Quantos anos tenho?” (bela reflexão)!

  1. Zé Rosa disse:

    Excelente post, Saramago era gênio. Uma grande perda para a humanidade !

  2. Ah! Saramago era um gênio! Sabia tudo que dizia e com muita propriedade. Esse vídeo me emocionou muito! Concordo com todos os versos.

  3. Quantos anos tenho? lindo de mais, realmente quantos anos tenho é o que sinto pelo meu corpo e minha mente e minha vontade, ” quantos anos tenho”.

  4. Belo disse:

    Quantos anos eu nao tenho .Viver a cada dia apresenta não representa a vida .Ah vida incompletude perfeita ,seria demasiado ser perfeita .Obrigado ,Gracias .Belo

  5. Ronaldo disse:

    Essa poesia não é do José Saramago. Já está provado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s