Falando sobe AUTOESTIMA (boas dicas)!

Trago hoje interessante matéria sobre autoestima, publicada no site Mais Equilíbrio, com o título “Dicas para elevar sua auto-estima”, abaixo transcrita. O texto, escrito de forma enxuta, objetiva e prática pela psicóloga Rosimeire Zago, apresenta boas boas dicas para você entender melhor sobre o assunto: o que é autoestima, como ela é influenciada positiva ou negativamente, o que é preciso para aumentá-la e quais os resultados da autoestima elevada.

É certo que o bem viver individual depende consideravelmente de como a pessoa se sente consigo mesmo. E o autoconhecimento, a sua prática continuada, ajuda bastante no encontro com a satisfação e a elevação da autoestima! A propósito, você tem pensado – ou trabalhado – sobre isso? 

“Dicas para elevar sua auto-estima

Aqui estão algumas dicas para identificar e aumentar sua auto-estima:

O que é auto-estima?

É a opinião e o sentimento que cada pessoa tem por si mesma.

É ser capaz de respeitar, confiar e gostar de si.

Melhor caminho para o autoconhecimento: diálogo interno.

Características da baixa auto-estima:

– insegurança

– inadequação

– perfeccionismo

– dúvidas constantes

– incerto do que se é

– sentimento vago de não ser capaz de realizar nada >> depressão

– não se permite errar

– necessidade de agradar

– aprovação

– reconhecimento

O que diminui a auto-estima?

– críticas e autocríticas

– culpa

– abandono

– rejeição

– carência

– frustração

– vergonha

– inveja

– timidez

– insegurança

– medo

– humilhação

– raiva

– e, principalmente: perdas e dependência (financeira e emocional)

Quando começa a se formar

Na infância. A partir de como as outras pessoas nos tratam. Quando criança pode-se alimentar ou destruir a autoconfiança. Auto-estima baixa geralmente está relacionada a falsos valores. Crença que é necessária aprovação da mãe ou pai.

Para elevar a auto-estima é preciso:

– autoconhecimento

– manter-se em forma física (gostar da imagem refletida no espelho)

– identificar as qualidades e não só os defeitos

– aprender com a experiência passada

– tratar-se com amor e carinho

– ouvir a intuição (o que aumenta a autoconfiança)

– manter diálogo interno

– acreditar que merece ser amado(a) e é especial

– fazer todo dia algo que o deixe feliz. Pode ser coisas simples como dançar, ler, descansar, ouvir música, caminhar.

Resultados da auto-estima elevada

– mais à vontade em oferecer e receber elogios, expressões de afeto

– sentimentos de ansiedade e insegurança diminuem

– harmonia entre o que sente e o que diz

– necessidade de aprovação diminui

– maior flexibilidade aos fatos

– autoconfiança elevada

– amor-próprio aumenta

– satisfação pessoal

– maior desempenho profissional

– relações saudáveis

– paz interior

Fonte – http://maisequilibrio.com.br/bem-estar/auto-estima-7-1-6-469.html?origem=top_posts

Por – Rosemeire Zago, psicóloga clínica com abordagem jungiana, especialização em psicossomática. Desenvolve o autoconhecimento e ministra palestras motivacionais.

Anúncios

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir o próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (acabo de retomar o projeto 'música para idosos'), além de assegurar espaços na agenda para reflexões e meditações. Gosto de ler, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Motivação e crescimento humano, Saúde. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Falando sobe AUTOESTIMA (boas dicas)!

  1. antonio torquato dos santos disse:

    É o mal do século o tal de baixo-estima, e acredito que na ciência médica o problema mais se agrava, com todo respeito. Acho que as pessoas têm que se conhecerem melhor e não quererem viver nas imitações frágeis nesse mundo capitalista.

  2. JCDattoli disse:

    Obrigado, amigo Torquato, pelo comentário!

  3. A autoestima é um conjunto de fatores que contribuem para harmonia dos indivíduos, como segurança, confiança em si mesma, etc. A baixa autoestima é quando o sujeito, se perde de si mesma; por alguns fatores. E esses, contribuem de maneira mais intensa, para isso: o abandono, a solidão, frustração, insegurança. Pelo menos pude observar isso por algum tempo. E até comigo mesma. Creio que as pessoas em sua grande maioria, sentem falta de alguém, simplesmente para ouvir. E uma escuta que de fato esteja atenta. E este é um mal que cresce a cada dia. As pessoas se fecham e se perdem, em meio ao caos que suas vidas acabam se tornando.
    Belo post! Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s