Crescimento pessoal e realização – Sobre Metas – Texto V

Personal planning.Imagem

Neste ciclo de abordagens sobre o tema, que se propõe a trazer reflexões e subsídios para o processo de planejamento pessoal que facilite o seu crescimento, comentei a respeito: i) dos requisitos estruturantes para que você tenha clareza quanto ao seu papel e propósito de vida; e ii) esteja consciente a respeito dos referenciais que orientam o seu comportamento e ações (crenças e valores), que foram retratados nos textos I a III. No texto IV, semana passada, trouxe considerações para ajudá-lo na definição do seu objetivo principal, isto é, qual o seu ponto de chegada (o seu desejo) em determinada data futura. Hoje, prosseguindo nas idéias para a construção da sua rota até o objetivo de melhoria no futuro (situação desejada), reflito basicamente sobre o estabelecimento de METAS, sua importância e requisitos fundamentais em um processo como esse.

Definido qual o seu desejo futuro, ou seja, aonde quer chegar e como quer estar naquele momento imaginado, cabe agora pensar na estruturação dessa caminhada. É hora de elaborar a rota (ou plano) de ação, que requer definições concretas, claras e escalonadas no tempo buscando “o que fazer”e ”como fazer”, em cujas definições deverão ser levadas em conta as competências, os recursos necessários e outras variáveis que impactem qualquer processo de planejamento.

Neste ponto, quero enfatizar que a definição de etapas intermediárias nessa rota de ação, com as suas correspondentes metas (prazos a serem cumpridos e produtos a serem entregues em cada momento desses), é fundamental para a execução e o êxito da sua estratégia de crescimento/melhoria. Assim como subir uma escada, que para chegar ao topo se vence degrau a degrau; assim como disse o chinês Lao-Tsé, “que uma longa caminhada começa com o primeiro passo”, você precisa estabelecer clara e precisamente cada passo, cada etapa e cada meta intermediária até o alcance final do seu objetivo maior. Isso vai possibilitar o necessário monitoramento do plano, mas, sobretudo, vai assegurar que você se mantenha motivado para seguir em frente no rumo do seu objetivo principal, tendo em conta a máxima de que o ser humano é movido e motivado por desafios!

Toda a literatura demonstra que a definição de metas intermediárias, para cada etapa da trajetória, é crucial. Além do aspecto do planejamento, para que o foco e os rumos não se percam, o fator psicológico é muito relevante: quando você bate a meta, e vê o êxito alcançado naquela etapa, o seu comprometimento e a sua motivação, naturalmente, se elevam. Isso é real, funciona mesmo, e faz toda a diferença em processos de aprimoramento e de mudança!

Mas esteja atento para que as metas e etapas do seu plano (ou rota) de ação o ajudem efetivamente para o alcance do seu ponto de chegada no futuro (objetivo principal). Para tanto, todas essas definições devem estar coerentes, para evitar perda de foco, tempo, energia e recursos. Se não estiver confortável, ou suficientemente confiante, busque algum profissional que possa ajudá-lo nesse processo.

A propósito, segundo Brian Tracy, no livro METAS: COMO CONQUISTAR TUDO O QUE VOCÊ DESEJA – MAIS RÁPIDO DO QUE JAMAIS IMAGINOU, … “Um dos ensinamentos mais importantes do filósofo grego Aristóteles é que o homem é um organismo teleológico. A palavra grega ‘teleos’ significa metas. Aristóteles concluiu que toda ação humana tem algum propósito. Você só se sente feliz quando está fazendo alguma coisa que o move na direção de alguma coisa que quer. As grandes perguntas passam então, a ser: Quais são as suas metas? Que objetivos você tem em mente? No fim das contas, aonde pretende ir?”

                                   Planning.Goals

Falando agora em termos mais práticos, aqui vão algumas dicas para a elaboração das metas e etapas (marcos) da sua rota de ação:

  1. Tenha muito claros os dois momentos que serão os seus referencias nesse planejamento de vida: i) o hoje, que é a situação atual, o seu ponto de partida; e ii) a situação futura, desejada, que é o seu objetivo principal. Então, a sua jornada será – direcionando foco, priorização, esforços, competências, atitudes, compromisso e disciplina – alcançar o seu objetivo no ponto futuro determinado. Vamos imaginar, como uma possível situação, que o seu desejo (objetivo) seja ser o diretor da área na empresa para a qual você trabalha.
  2. O passo seguinte será pensar e definir os marcos (as etapas) e as metas a serem cumpridas nessa trajetória. Uma técnica eficaz para essa elaboração – utilizada nos trabalhos de coaching e constante do arsenal de ferramentas recomendado pela Sociedade Brasileira de Coaching – é você mentalizar (fazer uma projeção) como se estivesse naquele momento futuro tão desejado. Bem relaxado, mas concentrado, transporte-se imaginariamente para aquele ponto. Então, pense/responda: Como se sente alcançando o seu objetivo? Quem está com você nessa oportunidade? O que isso representa para você? Em seguida, ainda totalmente concentrado, vá retroagindo, pensando e definindo as etapas e situações importantes imediatamente anteriores, uma a uma, até chegar ao ponto inicial (situação atual). Alternativamente a essa técnica, a visualização e planificação da rota podem ser feitas na ordem direta e “natural”, do início para frente. Mas, neste caso, sem a emoção do sentimento de realização experimentada na primeira técnica, o exercício poderá ficar mais limitado e o seu nível de motivação poderá ficar mais limitado. Pensando no seu objetivo hipotético de ser o diretor da organização para a qual trabalha, você poderia definir algumas etapas e metas, como: ser promovido a superintendente até a data xxxx; ter resultado na avaliação de desempenho sempre acima de 85%; fazer especialização em… (especificar) para obter aprimoramento das competências xxxx, até o prazo tal; elaborar trabalhos com proposições/sugestões significativas para a melhoria da empresa que venham a ser apreciadas pela diretoria e instâncias superiores (pelo menos uma proposta por semestre), entre outras etapas/metas que julgar relevantes.
  3. Para auxiliar na definição das metas, um recurso simples e eficiente, largamente utilizado em qualquer processo de planejamento, é a utilização da técnica SMART, que significa:
  • S (specific) = específico: significa que o propósito da meta a ser alcançada tem que estar claramente especificado, para que a meta seja facilmente entendida;
  • M (measurable) = mensurável: tem que ser passível de mensuração;
  • A (attainable) = alcançável: a meta não pode ser uma vã idéia. Tem que ser passível de concretização. O segredo aí é encontrar o equilíbrio entre os dois lados: nem excessivamente ambiciosa, para não correr o risco de perder a sua validade (a sua concretização poderia ser reconhecida a priori como impossível), nem modesta demais, pois a sua finalidade deve ser avançar, melhorar desempenho, solucionar problema etc;
  • R (relevant) = relevante: significa que tem que valer a pena o esforço para o seu atingimento e, ainda, que vale a pena um processo de medição. Ou seja, tem que haver o reconhecimento de que ela é importante e que merece comprometimento para o seu alcance;
  • T (time bound) = tempo limite: é necessário o estabelecimento do horizonte temporal a ser apurado/avaliado (é a variável “quando”).

Em breve, e para finalizar o ciclo, voltarei com outros aspectos complementares, mas igualmente importantes, refletindo sobre mecanismos que possam contribuir com o êxito da execução do seu plano de crescimento pessoal, ou, de outro lado, que minimizem os riscos de insucesso.

 JC Dattoli, 15/setembro/2014.

Anúncios

Sobre JCDattoli

Este blog foi idealizado para compartilhar reflexões e discussões (comentários, frases célebres, textos diversos, slides, vídeos, músicas, referências sobre livros, filmes, sites, outros blogs) que contribuam para a realização e o crescimento do ser humano em toda a sua essência e nas dimensões pessoais e profissionais. Almejo que o ser humano se mostre cada vez mais virtuoso, atento e disposto a servir o próximo em cada momento da sua existência. Atuei profissionalmente por quatro décadas, com bastante intensidade, nas áreas pública e privada. Ocupei de cargos técnicos a postos de chefia e direção. Neste novo momento, pretendo ajudar pessoas a atingir outros patamares na vida – e na profissão. Dedicarei parte do tempo para ações sociais/humanitárias (acabo de retomar o projeto 'música para idosos'), além de assegurar espaços na agenda para reflexões e meditações. Gosto de ler, de praticar atividades físicas e de cantar-tocar violão. A família e as amizades são preciosas matérias-primas na construção do bem viver. Apesar das incongruências, desencontros e descaminhos humanos, tenho por missão dedicar-me mais e mais às pessoas como contributo para um mundo verdadeiramente melhor!
Esse post foi publicado em Motivação e crescimento humano. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Crescimento pessoal e realização – Sobre Metas – Texto V

  1. Sandra Fayad disse:

    Com certeza, esse é o caminho não só na vida profissional, mas também nas relações sociais e familiares. O curso dos acontecimentos pode ser alterado com atitudes corretas e persistentes em relação às pessoas com as quais convivemos. Hoje mesmo eu dizia a um pai desanimado de um adolescente rebelde que insistisse em fazer dele um homem comprometido com o bem. Muitas vezes as pessoas desistem porque é difícil, porque só veem os obstáculos e ficam visualizando o resultado negativo. Quem espera facilidades na vida, tropeça e cai na primeira pedra.

  2. Creio que passar essas fases, um fator é importante; o psicológico, conforme você citou. É preciso estar psicologicamente consciente, que nada é muito fácil e algumas coisas poderão retardar algumas etapas.
    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s