Sábado e música: Les Feuilles Mortes (AUTUMN LEAVES) – Tatiana Eva-Marie / Vinny Raniolo !!!

Como inspiração musical para este sábado, trago vídeo muito legal, daqueles que fazem bem para a alma e massageiam nossos ouvidos, com Tatiana Eva-Marie e o violonista Vinny Raniolo, em belíssima performance para a canção Les Feuilles Mortes, no original, mais conhecida como Autumm Leaves, na sua versão em inglês!

Segundo resposta obtida em busca pela internet, Tatiana é uma vocalista suíça que mora no Brooklyn e canta swing e jazz cigano ao estilo dos anos 1930. Ela se mudou de Paris para Nova York em 2011 e formou a Avalon Jazz Band em 2014. Aliás, já fiz mais de uma postagem musical, aqui no blog, mostrando vídeos bem marcantes dessa banda.

Por sua vez, o aclamado americano Vinny Raniolo é músico e empreendedor da Raniolo Music LLC, tendo sido eleito o Melhor Músico do Ano, de 2018, pela IAOTP. A sua técnica instrumental é impressionante!

A gravação, pela qualidade vocal e pela singular interpretação da cantora, associada à performance violonística do acompanhante, ficou mesmo primorosa, uma combinação perfeita!

Para fechar, a música “Autumn Leaves” é uma canção popular e padrão de jazz composta por Joseph Kosma, em 1945, com letras originais de Jacques Prévert, em francês. Posteriormente, foi feita versão, na língua inglesa, por Johnny Mercer. A musica foi grande sucesso inicial pelo ator e cantor (italiano, naturalizado francês) Yves Montand. Posteriormente, mereceu gravações de diversos cantores/artistas famosos, a exemplo de Édith Piaf, Bing Crosby, Nat King Cole, Frank Sinatra e Eric Clapton.

O vídeo foi publicado no youtube, canal Tatiana Eva-Marie & Avalon Jazz Band, há um mês. Confira a seguir:

Publicado em Músicas | Marcado com , , | 3 Comentários

“6 FORMAS MAIS EFICAZES DE TER mais AUTODISCIPLINA” (vídeo)

Para hoje, trago bom vídeo abordando a autodisciplina, assunto já apreciado, ou referido, em outros posts aqui no blog. Seguramente, demonstrar capacidade de autodisciplina é atributo essencial para a trajetória exitosa de qualquer pessoa.

Nessa abordagem, há um detalhe muito importante, que merece especial atenção: a definição da própria identidade. Gostei, de fato, dessa sacada (dica), pois aí pode estar o comando mental que fará toda a diferença na sua vida!

Como dito, “autodisciplina é como um músculo, que fica mais forte se treinada”!

Portanto, as seis atitudes indicadas, uma vez implementadas, contribuirão sobremaneira para a sua evolução pessoal/profissional, de maneira mais eficaz e consistente. Para mim, esse conjunto faz todo o sentido!

O vídeo foi publicado dois meses atrás no youtube, canal SejaUmaPessoaMelhor, com duração de apenas 7:24.

A seguir:

Publicado em Educação, Motivação e crescimento humano, O ser humano no contexto das organizações, Psicologia e comportamento, Vídeos diversos | Marcado com | 6 Comentários

“Licença para adoção: concessão de empresas para os pais de primeira viagem”

Já trouxe aqui o assunto da adoção de animais, notadamente vinculando-o à triste realidade dos animais abandonados, até mais de uma vez. A última postagem sobre isso foi em 9 de agosto passado. Par quem não leu ou quiser relembrar, eis o link: https://obemviver.blog.br/2022/08/09/por-que-adotar-um-cao-ou-gato-abandonado-fique-por-dentro-e-conheca-a-triste-realidade-dos-animais-sem-um-lar/

O fato é que, a tirar pela situação observada na capital baiana, os abandonos não param de crescer, infelizmente. Na realidade do Abrigo São Francisco de Assis, entidade que integra a rede ABPA (Associação Brasileira Protetora de Animais), da qual sou colaborador e divulgador pelo meritório trabalho social que desenvolve – que vai do acolhimento dos cães e gatos, ao tratamento, cuidado e manutenção das centenas de peludos, até às feiras semanais de adoção -, o número de cães e gatos abandonados segue em alta.

Fica evidente que a questão é muito de consciência da população, que precisa compreender a sua responsabilidade e não abandonar os animais, que nessas condições perdem sua referência, sofrem e terminam à mercê da sorte, à espera de que alguma alma caridosa possa acolher o bichinho, o que não acontece facilmente. Para minimizar esse triste quadro, qualquer iniciativa adotada nessa direção é bem-vinda, até porque, por incrível que possa parecer, não vemos campanha institucional nesse sentido empreendida pelos entes públicos, seja nos âmbitos municipal e estadual.

Por isso mesmo, considero importante e muito oportuna a matéria que destaco hoje, postada no blog Pitacos e Achados, dia 16 passado, dando conta de política que a iniciativa privada já começa a adotar, sobretudo por indicar tendência que deve ganhar volume no Brasil e em muitos país. Até porque, na minha percepção, aumentando o nível de consciência coletiva a respeito da boa convivência e respeito em relação aos pets, naturalmente, também se elevará o nível da convivência humana e, por óbvio, da harmonização do planeta!

A seguir, reproduzo a referida publicação. Confira:

“Licença para adoção: concessão de empresas para os pais de primeira viagem

Adotar um pet é uma experiência incrível! Por meio dela, você não só terá a oportunidade de dar um lar para um animalzinho que precisa, mas também de ver sua vida transformada de uma forma positiva. 

Os benefícios da adoção são inúmeros: 

  • Ganhará um amigo fiel para toda a vida, que estará sempre ali para te alegrar e te apoiar; 
  • Irá ficar mais ativo, pois precisará levar o seu pet para passear e brincar; 
  • Assumirá mais responsabilidades, o que lhe permitirá desenvolver novas habilidades;
  • Trará muitos benefícios para a saúde mental, pois os animais podem acalmar, ajudar a reduzir o estresse e a depressão e até aumentar a longevidade;
  • Poderá contribuir para a sociedade, pois ajudamos a dar um lar àqueles que realmente precisam.

Em uma pesquisa com 400 ONGs brasileiras, atendem 185 mil animais abandonados ou resgatados após maus-tratos. Sendo que 96% são cães e 4% são gatos. Esses números são de agosto de 2022, reunidos pelo Instituto Pet Brasil, que entrevistou 400 ONGs de todo o país.

No Brasil, a adoção de pets é cada vez mais comum. Conforme os levantamentos da União Internacional para a Proteção dos Animais (UIPA) e Radar Pet 2021, as taxas de adoção de animais de estimação aumentaram 400% nos primeiros três meses de 2020. 

Mais da metade das adoções foram realizadas por pais de pet de primeira viagem. Com mais tempo em casa, e devido ao trabalho em home office, mais pessoas puderam decidir realizar o sonho de ter um pet e lidar com o isolamento social.

O Brasil é o terceiro país com maior número de pets. O IBGE estima que a quantidade de animais de estimação já representam 67,6% da população brasileira. Em 2021, segundo dados da Abinpet, somavam-se 149,6 milhões de pets no Brasil.

A boa notícia para os pais de pet é que várias empresas brasileiras estão se movimentando para implementar a chamada “PETernidade”. Para entender essa novidade, continue a leitura!

1 – A licença para adoção de pets, o que é?

A licença para adoção, que vem sendo chamada de “PETernidade” é um tipo de concessão que algumas empresas oferecem para apoiar os colaboradores que adotam animais de estimação. 

Essa é uma ótima maneira de se relacionar com seu novo animal de estimação e acostumá-lo ao novo lar. Além de se dedicar à saúde e bem-estar dos seus novos animais de estimação.

Pode ser um período agitado, cheio de novas imagens, cheiros e sons, ter alguns dias para se concentrar apenas em seu novo amigo peludo pode ser inestimável. 

Com a licença para adoção, animais de estimação e trabalhadores podem obter um melhor equilíbrio entre a vida pessoal e profissional.

Além disso, é uma ótima maneira de descansar um pouco depois de toda a emoção de levar seu novo animal de estimação para casa!

2 – Como funciona? 

Esse novo benefício é oferecido por empresas de diversos setores que apoiam os funcionários que desejam adotar um animal de estimação. No Brasil, tem sido mais comum em empresas do mercado pet.

Com essa licença, os funcionários podem tirar alguns dias de folga justificada para se adaptarem com seu novo pet e para visitar o veterinário. 

A PETernidade foi criada pela Petz em 2021para ajudar os pais de pet a criarem um vínculo saudável com seu novo animal, cuidarem de sua adaptação, tratamento médico e o adaptarem ao novo ambiente. 

Cada empresa estipula suas regras de concessão, mas de modo geral, os adotantes combinam uma data para a licença com o RH de sua empresa e apresentam os documentos comprobatórios da adoção, emitidos pelas ONGs.

3 – Quais casos essa licença não se aplica?

A licença de adoção incentiva a PETernidade nas empresas, promovendo o bem-estar animal e a saúde mental dos trabalhadores. No entanto, ela não se aplica para todos os casos, pois depende das políticas de cada organização. 

Além disso, ela deve ser tirada nos primeiros dias da adoção e combinada previamente com a gestão e recursos humanos da empresa. 

A licença não se aplica para levar animais ao veterinário ou realizar algum tratamento ao longo da vida do pet, por exemplo.

Para mais informações sobre esse processo, você pode acessar o site criado pela Petz, idealizadora desse movimento

4 – Cases de empresas famosas que dão essa licença

Cada vez mais empresas no Brasil estão se juntando a essa prática de conceder licenças para cuidar dos pets recém-adotados. 

Grandes empresas como Vivo, Google, Ogilvy Brasil, Great Place To Work e companhias do mercado pet, tais como Petz, Petland, Petlove, Centro Veterinário Seres e Royal Canin, já aderiram a essa prática.

A Vivo afirmou em comunicado que esse tipo de prática é vista pela empresa como uma forma de estender o cuidado e a atenção para o colaborador e seu novo membro familiar. Além de contribuir para a retenção dos talentos.

Já a Royal Canin, por meio de sua diretora de RH, Juliana Gonçalves, declarou que essa é uma excelente forma de estimular mais pessoas a conhecerem o benefício da interação entre homens e animais.

5 – Como integrar o novo membro da família no lar?

Quando você adota um novo animal de estimação, há muito em que pensar. Será que eles vão se dar bem no novo lar? Que tipo de personalidade eles têm? De quanto exercício precisam?

É importante também pensar no processo de adaptação. Mas acima de tudo, é fundamental estar preparado para dar muito amor e carinho ao seu novo companheiro. 

Se você é pai de pet de primeira viagem, aqui estão algumas dicas para integrar seu novo animal de estimação em casa:

  • Mantenha sua casa calma 

Excesso de barulho, pessoas ou fazer muita atividade pode ser opressor para um novo animal de estimação. Tente manter as coisas calmas em casa até que seu pet tenha a chance de se adaptar.

Elogie e seja generoso com palavras de elogio e recompensas quando seu novo animal de estimação fizer algo de que você gosta. Isso o ajudará a se sentir bem consigo mesmo e a aumentar sua confiança.

  • Leve-o para fora

Quando seu novo cachorrinho precisar ir ao banheiro, leve-o para fora com uma coleira para que ele possa explorar e se acostumar com o ambiente.

E não são apenas os cachorros que podem explorar o mundo exterior. O desejo do seu gato de explorar é natural. Seu gato vai querer cheirar e conferir tudo. 

Esse é um comportamento normal e deve ser incentivado, pois ajuda seu felino a se sentir mais confortável em seu novo ambiente.

  • Deixe-o explorar

Quando você leva um novo pet para casa, é empolgante deixá-lo explorar seu novo lar. Ele pode ficar animado com o cheiro de outros animais ou brincar com os móveis. 

É importante dar a ele tempo para se familiarizar com seu novo ambiente e se sentir à vontade. Ao fazer isso, você está criando um vínculo forte que irá durar a vida toda.

  • Supervisione sempre

Fique sempre de olho. É essencial que você esteja sempre observando as ações do seu animal de estimação. Especialmente no início, para garantir que eles não se machuquem. 

Além disso, já comece o treinamento regular com seu cachorro ou gato para ensiná-lo a obedecer às suas ordens e evitar acidentes.

  • Mostre a caminha ao seu filhote

Seu filhote precisa se sentir acolhido. Mostre para ele quais lugares ele pode descansar e ficar confortável e seguro. Fique perto dele em sua caminha, brinque e deixe algumas pelúcias para que ele não se sinta sozinho.

  • Primeira noite do filhote no novo lar

A primeira noite pode ser difícil para você e seu novo filhote. Ele pode chorar ou reclamar porque sente falta da mãe e dos irmãos de ninhada.

Você pode ajudá-lo a se sentir mais confortável colocando um relógio na caminha e levando-o para o lado da sua cama para poder ouvir seus batimentos cardíacos e se sentir protegido.

  • Quais produtos um filhote precisa ter?

Um novo filhote precisará de uma coleira, uma tigela de comida e água, uma cama e alguns brinquedos. Tapetes higiênicos também são recomendados para cachorros.

Já no caso dos gatos, você deve comprar uma caixa de areia para treinar seu felino desde pequeno. Mais importante de tudo, seu pet precisará de muito amor!

  • O que fazer com o cachorro filhote chorando a noite?

Se seu filhote estiver chorando à noite, talvez seja necessário deixá-lo dormir próximo de você e ir afastando a caminha dele gradualmente. 

Isso os ajudará a entender que têm um espaço seguro para dormir e que não deveriam chorar. Você também pode tentar colocar brinquedinhos na caminha para que eles sintam que não estão sozinhos.

E é claro, sempre ter em mãos o telefone de um hospital veterinário 24h, para lidar com qualquer emergência.

Adotar um novo pet é uma experiência maravilhosa e, é claro, exige preparação e cuidados. Por isso a PETernidade é tão interessante, e vem se tornando tendência. O que você achou disso?

Fonte: https://pitacoseachados.com/2023/01/16/licenca-para-adocao-concessao-de-empresas-para-os-pais-de-pet-de-primeira-viagem/

Publicado em Ações sociais e humanitárias, Educação | Marcado com , , | 4 Comentários

Sábado e música: PAIXÃO – Kleiton & Kledir e Amanda Lyra (ao vivo) – show!!!

Como inspiração musical para este sábado, trago vídeo registrando um momento muito legal. Gravado ao vivo e com sonorodidade bem agradável, acústica, relembra uma das canções de grande sucessos da nossa MPB romântica, que foi lançada em 1981, cerca de 42 anos atrás.

Estou falando da icônica Paixão, composta – e originalmente interpretada – pela dupla gaúcha Kleiton & Kledir. Nesse show, com tripla participação, a interpretação é feita pelos criadores da música e pela cantora Amanda Lyra, cantora e compositora paranaense!

Gostei bastante dessa interpretação. Em segmento e estilo que realçaram ainda mais a mensagem musical, serviu, certamente, para matar saudade da deliciosa canção, em alto estilo!

O vídeo foi publicado no canal youtube Amanda Lyra, em 10/julho/2020.

Curta a seguir:

Publicado em Músicas | Marcado com , | 5 Comentários

O MAGNÂNIMO – uma emocionante narrativa sobre o legado de D. Pedro II !!!

É sempre bom conhecer, ou relembrar, a respeito da história. Em especial, é deveras enriquecedor, também agradável, rememorar as notáveis virtudes e o admirável desempenho – como o segundo imperador brasileiro, cuja atuação se deu ao longo de 58 anos – do Imperador D. Pedro II (1825 – 1891).

E quem dá um show, fazendo rica narrativa e elogiável homenagem pelo legado de D. Pedro II, é o excelente ator Nelson Freitas, no vídeo novinho que ele acaba de publicou em seu canal, no YouTube, com o título O MAGNÂNIMO.

Temos aí um retrato muito bem descrito sobre parte importante da história brasileira. Um banho de informação e de cultura, realmente motivador, que espero repercuta aos milhares, como estímulo para o desenvolvimento da educação, do conhecimento em sentido amplo e da capacidade empreendedora em nosso país!

Assista, compartilhe (o vídeo tem duração de 9:39), até porque receber tanto conhecimento dessa maneira, com a emoção transbordante do grande Nelson, é um privilégio!

A seguir:

Publicado em Educação, Liderança, Vídeos diversos | Marcado com | 6 Comentários

“10 frases do Pequeno Príncipe carregadas de sabedoria” – vale a leitura, vale a reflexão!!!

Em perspectiva filosófica, bastante oportuna, encontrei esse artigo com pertinente análise a partir de 10 frases (passagens) do fabuloso livro O Pequeno Príncipe (“Le Petit Prince”), autoria de Antoine de Saint-Exupéry, publicado em 1943.

Para que se tenha ideia da dimensão alcançada por essa obra literária, seguramente atemporal, o livro está classificado como  “Literatura infantil, Fábula, Drama, Novela, Literatura fantástica e Ficção especulativa. O livro, por muitos considerado como verdadeira lição de vida, se destina ao público a partir de 10 anos de idade. Entretanto, claramente se percebe que alcança, de maneira impactante, os adultos, porque realça e convida o leitor a refletir sobre aspectos fundamentais da existência humana, como a atenção, a dedicação/utilização do tempo, a capacidade de perceber detalhes que são essenciais, mudanças e variações, o cultivo da esperança, a autodescoberta etc.

Segundo conferi em pesquisa atual, “trata-se do livro mais traduzido da história depois do Alcorão e da Bíblia”!

O artigo, a seguir reproduzido, foi publicado no site Pensar Contemporâneo, em 18/janeiro/22. Leia a seguir:

“10 frases do Pequeno Príncipe carregadas de sabedoria

As frases do Pequeno Príncipe iluminaram várias gerações. Aparentemente, este trabalho é apropriado apenas para crianças. No entanto, existem centenas de milhares de adultos no mundo que também desfrutam.

A coisa mais interessante sobre as frases de O Pequeno Príncipe é que elas são simples e profundas. Seu criador, Antoine de Saint-Exupéry, conseguiu escrever com um grande equilíbrio. É por isso que este trabalho transcendeu várias gerações.

Existem algumas frases do Pequeno Príncipe que merecem ser exaltadas e lembradas. Em seguida, veremos uma seleção de alguns delas. Muitas foram deixadas de fora, mas este pequeno inventário dá uma ideia da grandeza deste grande trabalho.

O Tempo – um tema comum nas frases do Pequeno Príncipe

O tempo é um dos problemas que frequentemente aparecem em O Pequeno Príncipe. Essa frase, por exemplo, refere-se a ele: “Os homens não têm mais tempo para conhecer nada; compram, dos comerciantes, as coisas já feitas; mas como não há comerciante de amigos, os homens não têm mais amigos “.

Nesse caso, critica-se a pressa, o pouco tempo que dedicamos ao mais importante. É uma frase cuja mensagem é reiterada nesta outra: “Foi o tempo que você passou com sua rosa que a tornou tão importante”. Isso significa que o valor das coisas depende diretamente do tempo gasto com elas.

Sobre o caminho

O Pequeno Príncipe diz: “Andando em linha reta, não se pode ir muito longe”. Aqui nós falamos sobre a importância de quebrar a barreira da inércia. Variações e mudanças nos permitem avançar; Por outro lado, permanecer inalterado causa pouca evolução.

Olhe e veja

Esta é uma das frases mais citadas pelo Pequeno Príncipe. Diz: “Aqui está o meu segredo: só com o coração você pode ver bem. O essencial é invisível aos olhos “. Está relacionado com a diferença entre olhar com o coração e com os olhos. O coração vê muito além das aparências, permite o acesso à essência.

No deserto

Grande parte do enredo do Pequeno Príncipe se desdobra no deserto. Simbolicamente, em um território desabitado e inóspito. No entanto, Antoine de Saint-Exupéry convida você a vê-lo de outra maneira. Diz o seguinte: “A beleza do deserto é que em qualquer parte pode estar escondido um poço”. É um chamado à esperança.

Julgue a si mesmo e aos outros

Uma das frases do Pequeno Príncipe diz: “É muito mais difícil julgar a si mesmo do que julgar os outros. Se você pode se julgar corretamente, você é um verdadeiro sábio “. Pretende-se aí enfatizar a dificuldade que existe para olhar para si mesmo conscienciosamente. É sempre mais fácil ver erros ou falhas nos outros.

O significado das estrelas

Muitas das frases do Pequeno Príncipe enfatizam que a realidade não tem significado em si mesma. Em cada pessoa e suas experiências, dá sentido ao que existe. Ele diz isso muito bem aqui: “Quando olhares o céu à noite eu estarei habitante uma delas, e de lá estarei rindo; então será, para ti, como se todas as estrelas rissem! Dessa forma, tu, e somente tu, terás estrelas que sabem rir. “

Melhor aproveitar, do que raciocinar

Este extraordinário trabalho fala repetidamente sobre a sensibilidade como fonte de sabedoria. Em uma das seções, ele diz: “Nunca se deve dar ouvidos às flores. Apenas basta contemplá-las e sentir seu aroma. A minha perfumou meu planeta, mas eu não fui capaz de me alegrar com isso “. Isso significa que, às vezes, deter-se demasiado em palavras, evita desfrutar da essência das coisas.

A domesticação das coisas

A palavra “domesticar” tem um significado muito especial em O Pequeno Príncipe. Isso significa, como ele aponta, “criar vículos”. A este respeito, há uma bela frase que diz: “Só as coisas que são domesticadas são bem conhecidas”. Para “domesticar” algo, você tem que dedicar tempo. É o tempo e a domesticação que transforma pessoas comuns em seres especiais.

Às vezes ele chora um pouco

Associado ao acima exposto, uma das frases do Pequeno Príncipe também indica: “Quando você se deixa domesticar, corre o risco de chorar um pouco”. Isso significa que é inevitável sofrer quando você cria laços estreitos com alguém. Não há afeição que não implique um pouco de dor.

Fonte: https://www.pensarcontemporaneo.com/10-frases-do-pequeno-principe-carregadas-de-sabedoria/

Publicado em Educação, Frases célebres, Livros e leitura, Motivação e crescimento humano, Psicologia e comportamento | Marcado com , , | 10 Comentários

Sábado e música: CRAZY – Willie Nelson, Diana Krall e Elvis Costello – fabulosa interpretação!!!

Nas minhas buscas para o post musical de hoje, conheci essa apresentação verdadeiramente marcante, ocorrida cerca de 20 anos atrás, conforme registra o vídeo. Como não poderia ser diferente, fiquei encantado!

Seja pela linda canção Crazy, que tanto aprecio, uma das marcas do genial Willie Nelson (norte-americano, cantor e compositor ); seja pelo show de interpretação, reunindo, ao vivo, além de W. Nelson, a sensacional Diana Krall (canadense, cantora e pianista de jazz), da qual sou fã faz bom tempo, e Elvis Costello (britânico, cantor, compositor e músico).

Referido encontro foi muito bem retratado neste comentário ao vídeo, de Chuck Cribbs, assim traduzido para o português: “… Você nunca mais verá isso: um cantor de jazz, um cantor country e um cantor new wave no mesmo palco cantando a mesma música. Incrível.

O vídeo foi publicado no youtube, canal Saman Khalily, em 27/setembro/2021. Contudo, por se tratar de evento ocorrido há duas décadas (Live At The Beacon Theatre, NYC, 2003), a qualidade da imagem deixa a desejar. Ainda assim, pelo que já comentei, vale muito a pena assistir.

Confira, curta a seguir:

Publicado em Músicas | Marcado com , | 2 Comentários

Lagom: uma filosofia sueca para viver bem – confira!

Quando falamos em longevidade, em vida mais longa e plena, com qualidade, com bem-estar, devemos ter em mente que a principal contribuição para o bom envelhecimento é a forma como vivemos, como nos cuidados, os hábitos que praticamos. Quem atesta isso são as diversas pesquisas acerca de fatores que demonstram maior correlação com a boa longevidade.

A esse respeito, conheci mais uma filosofia de estilo de vida que tem origem na Suécia e que vem sendo divulgada mundo afora. Falo da filosofia de viver denominada “Lagom”, que se baseia na arte do equilíbrio, do meio-termo!

O que significa Lagom? Em pesquisa no site Wikipédia, encontrei:

Dicionários com entradas do sueco para outras línguas definem “lagom” como “o bastante, o suficiente, adequado, a quantia precisa.” O termo “lagom” também é traduzido como “em moderação”, “equilibradamente”, “mediano” ou “medianamente” e “comum” ou “típico”… O provérbio sueco “Lagom är bäst” (literalmente, “Lagom é melhor”) foi traduzido como “Há virtude na moderação” no dicionário Prismas Stora Engelska Ordbok (1995).

Imagem iberdrola.com – O estilo de vida do lagom está baseado na moderação, na sustentabilidade e na tentativa de viver mais consciente de nossas necessidades.

Em matéria que gostei bastante, a respeito dessa verdadeira filosofia para o bem viver, publicada no site “Iberdrola.com”, com o título Lagom, a receita sueca para a felicidade, fiquei conhecendo esses princípios e referenciais sobre bons hábitos e estilo de vida verdadeiramente positivos, que merecem a nossa reflexão. Afinal de contas, falando com base em resultados reais, a Suécia está sempre nas primeiras colocações no ranking mundial que mede qualidade de vida e felicidade!

Como referido na matéria, existem livros a respeito da filosofia Lagom. Em um deles, a escritora Lola A. Åkerström fez uma síntese que me pareceu notável: “O que lagom pede para mim é estar mais consciente das minhas emoções, do meu corpo e do meu bem-estar”.

Da leitura, podemos resumir que essa filosofia compreende (preconiza) oito importantes aspectos da vida, a saber: 1) equilíbrio entre vida profissional e pessoal; 2) dieta balanceada, com consumo consciente, inclusive quanto aos produtos a serem consumidos; 3) relacionamentos saudáveis; 4) casa arrumada livrando-se de tudo o que não necessita; 5) não adquirir além do que verdadeiramente precisa;  6) praticar a desintoxicação tecnológica; 7) respeito ao meio ambiente; e 8) viver sem pressa, desfrutando até mesmo os pequenos prazeres da vida (slow life).

Em síntese, a moderação está na raiz do bem-estar e da felicidade!

Que tal viver de maneira equilibrada, mais desacelerada, dedicando tempo às coisas que importam? Fica essa dica aí, para a sua ponderação e, quem sabe(?), para que promova alguns ajustes no seu hábito cotidiano e estilo de vida.

Confira a publicação – clique no link abaixo. Ah, para quem desejar mais abordagens e dicas a respeito do assunto “Lagom”, verifiquei que existem outras publicações, também disponíveis em sites de busca pela internet.

https://www.iberdrola.com/compromisso-social/lagom-estilo-vida-escandinavo-suecia

Publicado em Educação, Livros e leitura, Motivação e crescimento humano, Psicologia e comportamento, Saúde | Marcado com , , , , | 8 Comentários

Uma incrível experiência de férias em harmonia com a natureza, pertinho de Salvador!

Recomeçando as postagens após um breve e bem proveitoso recesso, quero lhes contar um pouco sobre a experiência legal que pude desfrutar, diria mesmo, uma grata surpresa, pelo local da estadia, em área de reserva nativa, próxima e paralela ao litoral, situada em ambiente bastante bucólico, rodeado de verde, tudo muito bem harmonizado com a natureza pura.

Antes de tudo, cabe realçar, foi mais uma memorável oportunidade de convivência em família, celebrando a vida, o réveillon 2022/23 e a primeira semana do ano novo, até porque a minha família fica dividida entre Salvador e outras capitais brasileiras, não sendo fácil estarmos juntos com frequência. Como detalhe, vale registrar que mais uma vez conviveram na temporada quatro diferentes gerações, compreendendo a minha mãe, Dona Celeste, com 94 anos, e o meu netinho Filippo, 1 ano e 8 meses.

Considerando que, para esses encontros de família, a minha turma tem preferência por ambiente litorâneo, escolhemos fazer a locação em condomínio situado na região da aprazível praia de Itacimirim. O grande detalhe, ou o grande bônus, diria, foi o fato de que, apesar de estarmos a apenas 900m da praia, vivenciamos o contato com uma natureza exuberante, na qual a fauna, a flora (mata litorânea que segue vigorosa e preservada por ali) e as lagoas típicas da região parece estarem na sua mais completa plenitude. Que preciosidade!

Certamente, a estada de nove dias em condomínio residencial (de casas), ali implantado, foi melhor do que o esperado, valendo ainda dizer que estávamos no litoral norte baiano, distante a apenas cerca de uma hora de Salvador.

Nesse ambiente, incluindo todo o conjunto das casas e das instalações comuns para esportes e lazer, rodeado por diversas lagoas naturais e adornado por uma mata riquíssima, as aves, por exemplo, fazem a festa com seus voos e cantos variados.

De outro lado, caminhar pela pista destinada a pedestres e bicicletas é um deleite. Com extensão de mais de 5km, passando por toda a área do empreendimento, a pista pode ser aproveitada a qualquer hora do dia, por estar protegida do sol, em grande parte, pela vegetação elevada e muitas vezes densa, fazendo muito bem aos sentidos, pelo cheiro das espécies nativas ali existentes, pelo visual que se apresenta em cada trecho da área, pelos sons das águas e dos animais que por lá habitam. Uma experiência agradável e revitalizante. Ah, e tudo muito bem cuidado e administrado!

Nesse ambiente verde, podem ser encontradas algumas árvores frutíferas, cabendo citar os pés de manga, de caju (agora, neste início de janeiro, estavam bem produtivos) e de seriguela. Vimos, ainda, alguns animais bem amistosos por lá, como teiú, raposa e gatos diversos.

Conforme sabemos, uma imagem fala mais do que muitas palavras. Assim sendo, procurarei ilustrar parte do que desfrutamos com fotos, estas tiradas ao longo das habituais caminhadas (até duas vezes por dia), cumpridas durante toda a nossa permanência por lá.

Espero que as fotos, apresentadas abaixo, passem um pouco do que vimos e do que vivenciamos nessa temporada inesquecível. Fica a dica, vale conhecer!

Publicado em Viagens | 22 Comentários

Tempo de ESPERANÇAR: minha mensagem para fechar o Ano e… até breve!

Neste momento em que 2022 vai chegando ao seu final, e diante da iminente chegada de outra jornada de 365 dias, é tempo de reflexão e, acima de tudo, de renovação das esperanças, porque precisamos manter a luz acesa, as boas expectativas, sob pena de cairmos no desânimo, de perdermos a tão necessária determinação em busca dos nossos sonhos, objetivos e metas. Além do que, em face das turbulências e das variadas incertezas que ora vivenciamos, essa mentalização positiva se apresenta ainda mais apropriada.

Nesse contexto, evocar a esperança, no caso, é trazer para a cena o verbo esperançar, que significa almejar, sonhar, agir, buscar. Na essência, esse verbo não tem a conotação da simples espera (atitude de passividade apenas na expectativa de que o desejo se realize), conforme muitas pessoas assim o interpretam/mentalizam. Ou seja, aqui estamos falando da esperança em ação!

Então, que sigamos decididos na busca dos nossos propósitos, da nossa evolução, da nossa melhor versão. E para tanto, desejo que renovemos nossas esperanças, com verdadeira determinação, para um 2023 positivo e realizador, tendo sempre em mente que devemos, cada um de nós, ser a mudança e o promotor das virtudes que queremos ver acontecer e prevalecer à nossa volta, na sociedade, pelo planeta!

Assim, vamos firmes e esperançosos para o Ano Novo que se avizinha, cabendo, a propósito, realçar esta frase dita pelo educador e palestrante Mário Sérgio Cortella:

“A esperança permite que você transborde, isto é, vá além da borda”.

Aproveitando o ensejo, informo que, em razão de viagens e de um convívio familiar mais intenso neste período de férias, o blog ficará de recesso por alguns dias, devendo o retorno das postagens ser retomado após 8 de janeiro.

Imagem: Via Carreira

Deixo o meu abraço fraterno para cada um de vocês, que a luz Divina esteja presente em nossos caminhos e que o bem sempre prevaleça. Até breve!!!

Publicado em Psicologia e comportamento | Marcado com | 5 Comentários